Regras da Esgrima – Espada


A esgrima é um esporte de combate que tem como principal objetivo atingir o adversário, e também evitar ser atingido por ele. Trata-se de um esporte olímpico que utiliza armas brancas. Neste texto, vamos entrar em detalhes sobre as regras da esgrima – Espada.

Breve histórico do esporte

A história da esgrima remonta aos princípios da civilização, na pré-história, quando os primeiros homens começaram a produzir suas próprias armas. Inicialmente, a esgrima era praticada nas guerras e também em duelos, para salvar a honra. Com o passar do tempo, começaram a ser usadas para entretenimento em torneios e justas, até chegar à forma como conhecemos hoje.

Regras da Esgrima

As primeiras escolas de esgrima surgiram na França e com elas vieram as técnicas de combate, os desenhos das primeiras pistas e o aprimoramento de regras. Foi nesse período que começaram a estudar as diferenças entre as armas e criaram as roupas protetoras, como luvas, máscaras, punhais e coletes. Com o estudo da luta, as lâminas diminuíram de comprimento e a forma de lutar ia ficando cada vez mais eficaz.

Neste momento, a esgrima ainda era utilizada em duelos. Até que a evolução das armas de fogo foi transformando a esgrima cada vez mais em esporte do que luta, e o ferimento – que ditava o vencedor, foi substituído pelo toque. E no ano de 1913 surgiram as regras internacionais da esgrima, transformando o duelo em um esporte de entretenimento que prioriza a agilidade, clareza nos movimentos e inteligência dos que o praticam.

Regras da Esgrima

Finalmente, vamos conhecer as regras da esgrima – espada. Então vamos começar dando um panorama sobre as principais regras do esporte. As lutas acontecem individualmente ou em equipes, mas sempre lutam entre si, atletas do mesmo sexo. Elas são realizadas em pistas retangulares com 14 metros de comprimento por 2 metros de largura e recuo que varia de 1,5 metros a 2 metros. Cada competidor tem um fio ligado a ele, sua arma e ao aparelho que calcula a pontuação de cada esgrimista. Estes fios transmitem a corrente elétrica que o toque da arma produz sobre o uniforme do oponente. O marcador de pontos, emite luzes coloridas sempre que ocorre algum toque e fica bem ao centro da pista, para que todos possam acompanhar com facilidade. Todo este equipamento precisa ser inspecionado sempre antes de cada partida pelo árbitro responsável.

As competições são divididas em duas fases: a classificatória e a eliminatória. Na primeira, todos os jogadores lutam entre si, e é preciso 5 toques ou 3 minutos para vencer. Na segunda, da etapa eliminatória, é preciso 15 toques ou 9 minutos para conquistar a vitória, e quem for ganhando vai se enfrentando até se chegar aos campeões. Caso aconteça um empate, o árbitro dará mais 1 minuto de combate para que se defina um único vencedor.

Com relação ao uniforme utilizado na esgrima, é preciso seguir algumas regras:

* Precisa ser branco, inclusive o sapato;

* É obrigatório usar luva na mão que empunhará a arma;

* É preciso utilizar máscara para a proteção do rosto e pescoço;

* O colete protetor também é de uso obrigatório, mas somente para o florete e sabre.

Durante as partidas, ou match, como são chamadas, os atletas não podem sair da pista propositadamente, dar às costas ao seu oponente, nem utilizar a mão desarmada, pois estes atos poderão acarretar em cartão amarelo. Na reincidência destas faltas, o juiz poderá apresentar um cartão vermelho, que beneficia o outro esgrimista em um ponto. Em casos extremos, é possível que o infrator receba um cartão preto, que o exclui da competição.

Cada arma utilizada possui suas regras específicas. Na esgrima é possível escolher entre as seguintes:

*Espada

*Florete

*Sabre

As regras da esgrima – espada seguem as mesmas gerais, das demais armas. A principal diferença está no toque. Quando se usa esta arma, valem pontos se tocar com a ponta da espada (mas somente com a ponta), em qualquer parte do corpo do outro esgrimista. Caso ambos oponentes se toquem ao mesmo tempo, ambos ganham pontos, pois a regra de “direito de passagem” que é válida para outras armas, não pode ser utilizada aqui.

A espada é uma arma mais indicada para atletas mais altos, pois para se lutar com ela, é preciso jogar em uma posição mais vertical de quando se usa outras armas. Também é uma boa arma para esgrimistas não muito ágeis, pois não é necessário muitos agachamentos e movimentos diferentes com o corpo. Por último, uma das principais regras da esgrima – espada é o peso da mesma, que precisa ser de, no máximo, 500 gramas.

Alguns especialistas consideram a luta da esgrima com espadas a mais dinâmica quando comparada às outras armas, pois os competidores não são obrigados a utilizar o colete e a luz branca não acende quando uma arma interrompe outra.