Regras do Tiro com Arco Individual e Por Equipes


O Tiro com Arco, individual e por equipes, é um dos esportes mais antigos do planeta e faz parte dos Jogos Olímpicos. A modalidade surgiu ainda no século XVI e desde 1900 é um dos esportes que compõem as Olimpíadas. Até 1972, no entanto, o Tiro com Arco não era um esporte tão popular. Foi só a partir desse ano que o esporte criou as Regras do Tiro com Arco Individual e Por Equipes.

Elaboradas pela FITA (Federação Internacional de Tiro com Arco), as Regras do Tiro com Arco Individual e Por Equipes fortaleceu, ainda mais, a notoriedade do esporte. Desde então, é preciso que os atletas atendam a uma série de exigências da instituição, que elaborou normas para que o esporte se tornasse mais formal e específico para os torneios que são disputados em diversos países.

Tiro com Arco Individual

Utilizado para a caça nos tempos antigos, o esporte é descendente de uma atividade que foi abandonada quando houve a inserção das armas de fogo na caça. Tratando-se de um esporte Olímpico, o Tiro com Arco pode ser realizado com equipamentos diferentes, como Arco Recurvo e Arco Composto, sendo cada um desses próprios para cada categoria.

O Arco Composto foi inserido no esporte apenas em 1970, com o objetivo de acrescentar velocidade e leveza à modalidade, sem a necessidade de muito esforço do atleta. Assim como o Arco Recurvo, o Arco Composto também possui estrutura de madeira, composto de carbono e é fabricado à mão, de forma artesanal. Porém, o Composto não é utilizado nas Olimpíadas.

Na modalidade de Tiro com Arco Individual, o objetivo é acertar a zona do alvo a qual apresenta maior pontuação, da mesma forma que ocorre na modalidade com Equipes. Porém, na versão para equipes, vários arqueiros têm que acertar os alvos que valem mais pontos para que consigam uma boa classificação durante os torneios.

Características do Esporte

O Tiro Com Arco é uma modalidade de esporte que exige extrema precisão nos disparos e domínio dos equipamentos por parte dos atletas. Não é a toa que os maiores vencedores, comumente, também são os que mais dedicam à sua vida aos treinos. Fatores externos, como o vento e as condições de tempo, podem influenciar na direção das flechas e, portanto, também precisam ser conhecidos pelos arqueiros.

O grande objetivo no Tiro com Arco é somar pontos ao atirar as flechas no alvo, já que o vencedor é o maior acumulador de pontos na competição. As provas podem ser realizadas em 3 tipos de campo, sendo: Outdoor (espaço aberto e plano), Indoor (espaço fechado) e Field (espaço aberto, porém irregular).

Na categoria masculina, os alvos podem ficar a 30 m, 50 m, 70 m e 90 m de distância, enquanto na categoria feminina são disputadas apenas competições com distância de 30 m, 50 m, 60 m e 70 m. Durante o torneio, os arqueiros lançam séries de 36 tiros a cada distância em direção ao alvo, que é dividido em dez setores coloridos.

Cada parte do alvo possui uma pontuação e quando o atleta acerta o círculo menor marca 10 pontos, que é a pontuação máxima. O próximo círculo possui um valor de 9 pontos, o outro 8 e é assim, sucessivamente, até o maior círculo, que equivale a 1 ponto. Quando a flecha atinge uma linha divisória, é considerada a linha que vale mais pontos.

Regras do Tiro com Arco Individual e Por Equipes:

• Na modalidade individual, o grande objetivo é que o atleta consiga fazer a maior pontuação possível, da mesma forma que na modalidade por Equipes;

• No individual, disputa apenas um atleta;

• No por equipes, diversos arqueiros compõem o mesmo time e acumulam pontos juntos;

• O esporte existe nas categorias feminina e masculina, com regras diferentes em relação à distância para cada gênero;

• O arqueiro não pode atirar a sua flecha em qualquer outra distância que não seja a determinada pela competição, sob pena de desclassificação;

• Os equipamentos que podem ser utilizados, de acordo com as Regras do Tiro com Arco Individual e Por Equipes são: a Aljava, que é uma bolsa que os arqueiros utilizam presa à cintura para guardar as flechas; o Button, que é um tipo de botão que absorve o impacto da flecha depois da largada do arco, garantindo uma maior estabilidade; a Dedeira, que é uma proteção para os dedos que puxa a corda do arco; o Estabilizador, que é um tipo de peso instalado no arco que ajuda a prevenir vibrações no momento de disparar a flecha; e o Sling, um acessório para prender o arco ao punho ou ao antebraço do arqueiro.

• O arco pode ser de aço ou de fibra de vidro, madeira e plástico e é equivalente à altura do atleta;

• Os arqueiros podem lançar séries de 36 tiros a cada distância em direção ao alvo dividido pelos setores coloridos.