Como se determina o valor calórico de um alimento?


A maioria das pessoas já se questionou quantas calorias certo alimento possui. Essa informação não é apenas quesito de curiosidade, pois abrange perspectivas vinculadas à saúde também. Afinal de contas, diversas pesquisas já confirmaram que os seres humanos precisam de uma dieta equilibrada, com um valor energético que sustente o funcionamento do organismo e que não se aglomere, causando obesidade.

como se determina o valor calorico de um alimento

O que vem a ser caloria? Como o seu valor é definido para cada alimento?

A expressão caloria descreve a quantidade de energia fornecida por um alimento ao organismo, julgando que ela seja completamente aproveitada.
Em termos técnicos, caloria (cal) é um elemento que mostra o calor necessário para aumentar a temperatura de 1g de água. Essa última interpretação ajuda a estabelecer a quantidade de calorias encontrada nos diversos tipos de alimentos, sendo que para isso usa-se um instrumento chamado calorímetro, ou calorímetro bomba.
De forma resumida, acontece o seguinte: o alimento em análise é depositado no interior da câmara de reação ou câmara de combustão do calorímetro. Em volta, no recipiente calorimétrico, fica certo volume de água. O alimento então é aquecido no interior da câmara, soltando calor para o meio, aumentando a temperatura da água. O termômetro mostra qual a temperatura da água no começo e no fim da combustão do alimento.
Com o valor da mudança de temperatura é possível definir quantas calorias ou energia o alimento concede, através da expressão:
Q = m. c. ?t
No qual:
Q = calor fornecido pelo alimento e recebido pela água;
m = volume de água abrigado no calorímetro;
c = calor específico da água (1 cal/g. °C)
?t = mudança da temperatura da água (tfinal – tinicial)
Ex:
Uma amostra de 1g de açúcar foi colocada em uma câmara de combustão com 1000 g de água a uma temperatura de 20°C. O açúcar é aquecido e o termômetro mostra que a temperatura da água subiu para 24°C, isto é, a mudança de temperatura é de 4 °C. Utilizando a fórmula, tem-se:
Q = m. c. ?t
Q = 1000. 1. 4
Q = 4000 cal
Isso quer dizer que o calor energético do açúcar é de 4,0 kcal ou 4000 cal.
Repare que o elemento “calorias” ou “cal” é muito pequeno, portanto, no dia a dia há certos erros quando se afirma que alguns elementos cedem uma determinada quantidade de calorias, quando o certo são quilocalorias. Por exemplo, quando se afirma que um iogurte apresente 80 cal, na realidade ele possui 80 kcal ou 80.000 cal.
Porém essa dúvida tende a acabar, uma vez que as etiquetas dos alimentos tem utilizado as unidades kJ ou kcal.
No Sistema Internacional de Unidades (SI) a unidade indicada é o joule (J) ou quilojoule (kJ), cuja associação com o cal é expressa por: 1 cal = 4,18 J.
O açúcar é uma espécie de nutriente. Os nutrientes são a porção dos alimentos que são aquecidos e concedem energia para o organismo humano. Em oposição ao açúcar, a grande parte dos alimentos não é constituída de somente uma espécie de nutriente, mas de vários. Dessa forma, observando a constituição dos elementos e a sua porcentagem onde os nutrientes aparecem, juntam-se as quantidades energéticas de cada um e se adquire o teor calórico do alimento por completo.
Há três modelos de nutrientes, são eles: proteínas, carboidratos e os óleos e gorduras. Utilizando o procedimento relatado anteriormente, as quantidades calóricas de cada um desses elementos foram identificadas.
1) Glicídios ou carboidratos: cerca de 4 kcal, independente da origem.
Ex: macarrão, batata, arroz, pães, frutas, milho e doces
2) Protídeos ou proteínas: aproximadamente 5,2 kcal. Muitas vez é encontrado o calor de 4 kcal, porque as proteínas concedem energia da mesma forma que os carboidratos, porém com uma perda maior para o organismo no que se refere à quantidade de energia que o metabolismo precisa.
Ex: ovos, carnes, leites e derivados.
3) Gorduras e óleo ou lipídios: cerca de 9 kcal.
Ex: manteigas, azeite, abacate, margarina, coco, castanhas, chocolates, nozes e amendoim.

A importância de calcular as calorias dos alimentos

É de extrema importante conhecer e ter controle a respeito daquilo que se está consumindo e reparar nas calorias certas de um alimento auxilia na manutenção de uma dieta saudável, o que é um fator decisivo nos resultados positivos da alimentação.
Não é sobre emagrecer para ter o corpo perfeito, e sim pela razão de que uma dieta balanceada traz incontáveis melhorias para a saúde a curto e longo prazo. Por isso é sempre bom se preocupar com a alimentação, que é de onde o organismo tira os nutrientes que precisa para funcionar adequadamente. Dessa forma, é sempre importante prestar atenção em tudo que se está consumindo nos hábitos alimentares, e sempre optar por alimentos saudáveis que ajudem no funcionamento do organismo.