Principais diferenças entre o capitalismo e o socialismo


O capitalismo e o socialismo são dois sistemas políticos e econômicos que surgiram a partir do século XIX. Os dois sistemas abordam questões econômicas, de ordem social e políticas sob pontos de vista bastante diferentes.

Até a última década do século XX, estes dois sistemas eram perfeitamente representados pela antiga União Soviética, como um país socialista, e os Estados Unidos da América, como símbolo dos países capitalistas. O mundo era dividido pelas duas ideologias e os demais países precisavam se posicionar perante esta dualidade.

capitalismo e socialismo

Com a queda da União Soviética, o socialismo perdeu um pouco da sua força, embora ainda seja a filosofia dominante em países como Cuba e China.

Características do capitalismo

O capitalismo é um sistema econômico e político que surgiu junto com a revolução industrial. Neste sistema, o controle de todas as ações é feito pelo mercado. O principal objetivo do sistema capitalista é acumular o capital, ou seja, o dinheiro.

Isto deve ser feito através da obtenção de lucro nas atividades econômicas. No capitalismo, o acesso aos meios de produção é feito pela iniciativa privada, seja total ou parcialmente. O governo deve interferir o mínimo possível nas ações do mercado.

Desde os valores de produtos, aos salários pagos aos trabalhadores: tudo é definido pelas leis de mercado. Não há regras para conter a acumulação de capital. Pelo contrário, neste sistema, o objetivo é a acumulação de capital e a formação de monopólios.

Os maiores investimentos em setores produtivos são feitos com recursos da iniciativa privada. Por sua vez, é a iniciativa privada que detêm o monopólio dos meios de produção, mesmo aqueles que são essenciais ao desenvolvimento de um país.

Do ponto de vista social, a sociedade capitalista é dividida em classes. Há a classe dominante, chamada de elite e a classe trabalhadora. A classe dominante, a elite, detém os meios de produção e a acumulação de capital. Por conseqüência, é esta classe que determinam quais são as regras do mercado.

A classe trabalhadora não tem acesso aos meios de produção. Sua função é produzir os bens pelos quais a classe dominante obtém lucro. Seus salários e demais condições são definidos pelas leis de mercado.

Características do socialismo

O socialismo é um sistema político e econômico que surgiu como uma oposição ao sistema capitalista. Seu marco inicial é o manifesto comunista, escrito por Karl Marx e Hegel. No sistema socialista, o controle de todas as ações econômicas é realizado pelo Estado. Desta maneira, o Estado é a entidade que detém os meios de produção, como indústrias, fazendas e bancos.

Sob este ponto de vista, ao pertencer ao Estado, os meios de produção são de propriedade de toda a população. Assim, não deve haver acumulação de capital em apenas uma indústria, setor ou pessoa: o lucro obtido com os meios de produção deverá ser dividido por todos. Desta maneira, o próprio conceito de lucro deixa de existir em um sistema socialista, uma vez que não há acumulação de capital.

Os investimentos em grandes obras são feitos com dinheiro público, sem participação de setores privados.

Neste sistema, não há classes sociais. Isto ocorre porque, se todos são proprietários dos meios de produção, então não haverá uma classe dominante que possa sobressair-se sobre outra classe. O socialismo entende que a única classe existente é o proletariado, ou seja, a classe dos trabalhadores.

Em governos com um sistema socialista, serviços essenciais como saúde e educação são sempre públicos. Não há escolas ou hospitais particulares.

Principais diferenças entre o socialismo e o capitalismo.

Abaixo, segue um comparativo com as principais diferenças entre os dois sistema:

Relações comerciais:

Capitalismo: livre concorrência. Interferência mínima ou nenhuma do Estado.

Socialismo: controle total do Estado. É o governo que define valores de salários, preços que serão cobrados por obras, serviços e produtos.

Meios de produção:

Capitalismo: controlado pela iniciativa privada.

Socialismo: pertence somente ao Estado.

Investimentos em obras essenciais:

Capitalismo: os fundos podem ser da iniciativa privada ou do Estado.

Socialismo: somente o Estado realiza estes investimentos.

Classes:

Capitalismo: a sociedade é dividida em classes. A elite, que é a classe dominante e a classe dos trabalhadores.

Socialismo: não há classes, todos na sociedade são vistos como trabalhadores e possuem os mesmo direitos.

Liberdade econômica:

Capitalismo: total liberdade econômica. O Estado não deve interferir nas relações comerciais.

Socialismo: interferência direta nos processos econômicos do país.

Educação:

Capitalismo: permite a existência de escolas públicas e privadas, com diferentes métodos de ensino.

Socialismo: admite somente escolas públicas, com educação e acesso universal.

Diferenças sociais entre capitalismo e socialismo

Dentre os países que adotaram estes sistemas, podemos notar um desenvolvimento distinto. Nos países capitalistas, houve um grande desenvolvimento de tecnologia, através da acumulação de capital. Por outro lado, nos países socialistas as desigualdades sócias tendem a ser menores, pois os serviços básicos são garantidos pelo governo.