Resumo do que é Sustentabilidade


A palavra, que por muitos anos não tinha um significado tão forte e aparente, é uma das mais faladas nos dias de hoje: sustentabilidade. Mas afinal, o que será que isso significa?

Se formos apelar pelos seus significados mais literais, há quem diga que a sustentabilidade é “um conceito que se relaciona diretamente com a possibilidade de contínuo para a vida das sociedades, para o mantimento da economia e para a preservação do meio ambiente, e consequentemente, da espécie humana”. O conceito, um tanto quanto sistêmico, pode até mesmo nos deixar um tanto quanto assustados.

Sustentabilidade

Na prática, a sustentabilidade é muito mais do que isso, sendo este o conceito que busca promover o uso dos nossos recursos ambientais e planetários como um todo, assim como a exploração de áreas sem a agressão ao meio ambiente. Sendo assim, espera-se desse conceito uma conscientização para criar um verdadeiro equilíbrio entre as ações e atividades humanas com o meio ambiente, afinal, um depende do outro para garantir a própria existência.

Dessa forma, devemos destacar que o termo define exatamente as atividades e demais ações que são realizadas pelos seres humanos com o intuito de suprir com as próprias necessidades, porém, sem destruir o nosso maior bem natural: o meio ambiente. Sendo assim, é claro que esse conceito se relaciona também com o próprio desenvolvimento da nação, já que apela para as sociedades para que se utilizem dos seus recursos naturais de maneira mais inteligente.

Por muito tempo a sua aplicação era considerada inviável, principalmente pelo fato de que implicava em ações muito caras. Sendo assim, atividades como a agricultura, extração vegetal, fabricação de celulose, papel e outros componentes e a própria mineração eram algumas das que mais prejudicavam o nosso meio ambiente. Com a aplicação do conceito de sustentabilidade, foram criadas práticas sustentáveis não só financeiramente viáveis, como capazes de promover uma série de benefícios para o negócio em questão.

A prática da sustentabilidade

É por meio dos projetos que visem a implantação desse conceito que muitas empresas sobrevivem nos dias de hoje, o que possibilita a exploração sem capacidade prejudicial dos nossos recursos ainda disponíveis.

Por conta disso, muitas são as ações que se tornam viáveis para tornar um empreendimento sustentável, o que fará inclusive com que ele tenha uma relação mais humana com a natureza. O uso de tais parâmetros também garante desenvolvimento socioeconômico para a nação.

Entre essas ações, podemos começar destacando aquelas que visem a produção, a distribuição e o próprio consumo de alimentos orgânicos, ou seja, aqueles que são mais benefícios para o próprio bem-estar e saúde do ser humano, assim como também diminui as agressões com o meio ambiente.

A preservação é também um dos aspectos que merece cuidado especial no que diz respeito à sustentabilidade. Preservar as áreas verdes, os parques, árvores e demais espaços é essencial, e na maioria dos casos, um papel do próprio governo do estado. Essa ação deve permitir a preservação de tais áreas sem destiná-las à exploração de viés econômica.

Diferentemente do que conclui o senso comum, a sustentabilidade e suas práticas permitem sim a exploração de recursos vegetais, tanto das matas quanto da natureza como um todo. Porém, essa exploração deve ser limitada e controlada, e melhor: as empresas e demais instituições que lidam com esse trabalho devem apostar no replantio. Por outro lado, os recursos minerais como o petróleo, minérios e outros também devem ser explorados de maneira limitada e racionalizada.

Já no que diz respeito à energia, é necessário apostar em fontes renováveis e mais limpas, já que elas diminuem e muito o consumo dos combustíveis fósseis. Entre elas devemos destacas a energia eólica, hidráulica e geotérmica. Esse tipo de ação permite não só diminuir a própria poluição dos ares, causada principalmente por conta da atuação de grandes fábricas e indústrias, mas também preserva os recursos minerais da nossa natureza.

Os benefícios da prática sustentável

Nos dias de hoje, muitas são as empresas e demais instituições que já notaram a responsabilidade que tem em mãos quando o assunto é responsabilidade. Por conta disso, é necessário atentar para a conscientização das empresas, que devem apostar na reciclagem de resíduos, a diminuição de lixo, o reaproveitamento de recursos naturais como é o caso da própria água, a economia com a energia (que preferencialmente deve ser de fonte renovável) e diversas outras ações.

Além disso, as atitudes pessoais também devem ser valorizadas, já que qualquer um pode fazer a sua parte, atuando na preservação dos recursos naturais, realizando a coleta do lixo, economizando energia e água e outros.

Certamente, podemos concluir dizendo que muitas são as vantagens na adoção de práticas de sustentabilidade, já que elas são capazes de garantir tanto a médio quanto a longo prazo um planeta em condições muito mais adequadas para o seu desenvolvimento com um todo, com destaque para o próprio desenvolvimento da vida (humana, vegetal e animal).