Inglês: Comparative


O grau de comparação entre uma coisa/pessoa/objeto e outro conta com algumas estruturas bem básicas no idioma inglês, geralmente mais simples do que em nossa própria estrutura gramatical. Mesmo assim, algumas delas podem ser bem complexas.

Por isso, vamos conhecer nesse artigo um pouco mais sobre as regras para fazer comparação na língua inglesa.

Como posso usar o Comparative em inglês?

As principais formas de comparar em inglês são: comparativo de inferioridade, comparativo de superioridade ou igualdade (também conhecido como positivo).

Comparative

No que se refere à comparação de superioridade, a principal intenção é colocar um tempo, objeto, pessoa ou outro acima de outro, ou seja, torná-lo, de alguma forma, melhor.

Na comparação de inferioridade, algo é colocado abaixo do outro. Esse tipo de comparação é a menos indicada, já que em muitos casos pode ser bem ofensiva.

Por fim, na forma de comparação positiva ou de igualdade, dois seres ficam exatamente no mesmo nível e, dessa forma, nós o igualamos um ao outro.

Vamos conhecer um pouco mais sobre cada um deles?

Afirmativo – igualdade

Na língua inglesa as estruturas que formam o grau comparativo afirmativo e de igualdade inclui expressões como “tão … quanto”, “o mesmo … que”, “como” e “tanto … quanto”.

Quando nós queremos dizer que uma coisa é similar a outra podemos usar o “tão … quanto”. Nesse caso, a estrutura é formada por “tão + adjetivo + quanto + substantivo e resto da frase.

Exemplos:

He is as good as my sister at volleyball – ele é tão bom quanto a minha irmã no voleibol.

My mother is as bad as yours when playing videogames – minha mãe é tão ruim quanto a sua quando jogam videogames.

Para comparar de forma negativa, como “não tanto … quanto”, você pode adicionar o “not” antes do primeiro “as”. Nesse caso, um exemplo seria:

“He is not as good as my sister at volleyball – ele não é tão bom quanto a minha irmã no voleibol.

Comparativo de inferiority – inferioridade

Por outro lado, o grau comparativo de inferioridade é utilizado para mostrar quais são os ‘defeitos’ ou fraquezas de objetos ou pessoas.

Nesse caso, a estrutura é formada por “less” + adjetivo utilizado na comparação + than. Na tradução, a frase ficaria formada por “menos + adjetivo + que”.

Comparative de superiority

Os superlativos indicam que uma coisa é melhor do que a outra, como já vimos anteriormente. Esse é o tipo de comparação mais utilizada no que se refere às comparações em geral. Para montar a estrutura gramatical utilizada nesse sentido é ainda mais simples, já que só há a necessidade de adicionar o ‘er’ para comparações de um para outro e o ‘est’ para comparar na forma superlativa, ou seja, indicando que um é melhor do que o outro. Deu para entender? Vamos para os exemplos.

Alguns exemplos no comparativo/superlativo seriam:

“I am stronger than you”. – Eu sou mais forte que você.

“I am funnier than you”. – Eu sou mais engraçado que você.

Mas, ambos ganham outra versão no superlativo, já que um desses seria melhor do que o outro.

Nesse caso, poderíamos reconstruir as frases de outra maneira:

“I am the strongest person in this city”. – Eu sou a pessoa mais forte dessa cidade”.

“I am the funniest guy in this room”. – Eu sou o cara mais engraçado desse lugar”.

Dessa forma, a diferença se encontra na própria intenção da comparação.

Quando você só quer mostrar que é mais forte ou mais inteligente que alguém, a forma comparativa normal se dá por meio do acréscimo do ‘er’.

Porém, quando você é o mais forte ou o mais inteligente de um grupo, como uma cidade, uma casa ou até mesmo do mundo, você deve acrescentar o “est” no final do adjetivo.

Regras para uso do comparative/superlative

Existem várias formas certas para utilização dos adjetivos comparativos, independentemente de quais sejam. Porém, elas variam muito com base no número de sílabas do adjetivo em questão. Por isso, vamos conhecer algumas situações mais frequentes:

1. Adjetivos com uma única sílaba

Alguns exemplos seriam para os adjetivos:

• Nice

Positivo: nice, comparativo: nicer, superlativo: the nicest.

• Close

Positivo: close; Comparativo: closer; Superlativo: The closest.

2. Os terminados em y

Existe, no inglês, uma regra específica para os adjetivos que terminam em y, quando utilizados para comparação ou como superlativo.

Nesse caso, eles não devem ser monossílabos e, quando terminados por y, ele é substituído por ‘i’ e acrescido de ‘er’ ou ‘est’.
Alguns exemplos são para os adjetivos:

• Busy

Positivo: busy; Comparativo: busier; Superlativo: The busiest.

• Lucky

Positivo: Lucky. Comparativo: luckier; Superlativo: The luckiest.

• Lovely

Positivo: lovely. Comparativo; lovelier. Superlativo: the loviliest.

• Quando terminam em ‘er’

Quando os adjetivos já terminam em ‘er’ mesmo em seu formato normal, você deve adicionar o ‘er’ mais uma vez para a forma comparativa e o ‘est’ para a superlativa.

Com o adjetivo clever, por exemplo, ele se torna “cleverer” no comparativo, e “the cleverest” no superlativo.

• More and most

O more é utilizado no comparativo e o most para o superlativo, sempre para os adjetivos com pelo menos duas sílabas.
Alguns exemplos seriam com as palavras: powerful e comfortable, que não são alteradas e recebem o “more” ou “the most” no início da comparação.

ComparativeVerbos irregulares

Por fim, existem também os verbos irregulares

São eles: old, far, bad e good, que se transformam em outras palavras quando aplicados em uma comparação. Bad, por exemplo, é substituído por “worse” no modo comparativo e por “the worse” no modo superlativo.