Hidrocarbonetos: Tipos, Nomenclatura e Composição


Os hidrocarbonetos são divididos em subfunções, sendo classificados de acordo com a cadeia carbônica:

CADEIAS ABERTAS

ALCENOS, ÂLQUENOS OU OLEFINAS

São hidrocarbonetos alifáticos que apresentam uma ligação dupla entre os átomos de carbono (insaturado).

Hidrocarbonetos:

[nomenclatura]: RAIZ + EN + O

A nomenclatura segue a regra geral, porém, se essa cadeia carbônica tiver mais de três átomos de carbono, devemos numerá-la a fim de localizarmos a insaturação. Essa numeração deve se iniciar da extremidade mais próxima da dupla ligação.

ALÇAMOS ALCEMOS ALCINOS ALCADIENOS

São hidrocarbonetos alifáticos que apresentam apenas ligações simples entre os átomos de carbono (saturado).

[nomenclatura]: RAIZ + AN + O

PROPENO

As duas nomenclaturas acima não necessitam de localização para as insaturações. Mas, ao considerarmos o composto abaixo, é necessário numerar a insaturação, sempre lembrando que ela tem preferência pela extremidade mais próxima, ou seja, menor numeração.
12345

1 – PENTENO

Esse composto orgânico é denominado 1-penteno ou pent-1-eno. A nomenclatura estaria incorreta caso considerássemos 4-penteno ou pent-4-eno.

ALCINOS, ALQUINOS OU ACETILÊNICOS

São hidrocarbonetos alifáticos que apresentam uma ligação tripla entre os átomos de carbono (insaturado). A nomenclatura segue a regra geral, porém, se essa cadeia carbónica tiver mais de três átomos de carbono, devemos numerá-la a fim de localizarmos a insaturação. Essa numeração deve se iniciar da extremidade mais próxima da tripla ligação.

As duas nomenclaturas acima não necessitam de localização para as insaturações. Mas, ao considerarmos o composto abaixo, é necessário numerar a insaturação, sempre lembrando que ela tem preferência pela extremidade mais próxima, ou seja, menor numeração.

1 – BUTINO

Esse composto orgânico é denominado 1-butino ou but-1-ino. A nomenclatura estaria incorreta caso considerássemos 3-butino ou but-3-ino.
Os alcinos são classificados em verdadeiros e falsos, de acordo com a localização da ligação tripla.

ALCINOS VERDADEIROS

Apresentam a ligação tripla na extremidade da cadeia. Exemplo:

ALCINOS FALSOS

Apresentam a ligação tripla no meio da cadeia. Exemplo:

ALCADIENOS OU DIENOS

São hidrocarbonetos alifáticos que apresentam duas ligações duplas entre os átomos de carbono (insaturado).

(nomenclatura) raiz + dien + o

A nomenclatura segue a regra geral, porém, se essa cadeia carbónica tiver mais de três átomos de carbono, devemos numerá-la a fim de localizarmos a insaturação. Essa numeração deve se iniciar da extremidade mais próxima das duas ligações duplas.

PROPADIENO

A nomenclatura acima não necessita de localização para as insaturações. Mas, ao considerarmos o composto abaixo, é necessário numerar a* insaturação, sempre lembrando que ela tem preferência pela extremidade mais próxima, ou seja, menor numeração.

1,4-HEPTADIENO

Esse composto orgânico é denominado 1,4 heptadieno. A nomenclatura estaria incorreta caso considerássemos 3,6 heptadieno. Os alcadienos são classificados em acumulados, conjugados e isolados, de acordo com a localização das duas ligações duplas.

ALCADIENOS ACUMULADOS

Apresentam as duas duplas ligações em um único carbono. Exemplo: CH2=C=CH      CH3

ALCADIENOS CONJUGADOS

Apresentam as duas duplas ligações alternadas. Exemplo: CH2=CH——- CH=CH—— CH3

ALCADIENOS ISOLADOS

Apresentam as duas duplas ligações distantes uma da outra. Exemplo: CH2=CH——- CH2————- CH=CH—— CH3

CICLANOS

São hidrocarbonetos cíclicos que apresentam apenas ligações simples entre os átomos de carbono (saturado).

[nomenclatura] ciclo + raiz + an + o

CICLENOS

São hidrocarbonetos cíclicos que apresentam uma ligação dupla entre os átomos de carbono (insaturado).

[nomenclatura] ciclo + raiz + en + o

AROMÁTICOS

São hidrocarbonetos cíclicos que apresentam anel aromático (núcleo benzênico). Os nomes são específicos, não obedecendo às normas da nomenclatura oficial.