A Arte da Pré-História nos Períodos Paleolítico e Neolítico


Assim como outras áreas e matérias, a história da arte também foi iniciada há muito tempo, ainda na pré-história e, para de fato entendê-la, é de essencial importância verificar quais foram os seus primeiros passos aqui apontados dentro dos períodos Paleolítico e Neolítico.

a-arte-da-pre-historia-nos-periodos-paleolitico-e-neolitico

Você sabe quais foram às primeiras manifestações artísticas do homem? Sabe por que elas se iniciaram e do quanto colaboraram com a humanidade atual?

Veja neste artigo todas as principais informações sobre a arte da pré-história e entenda mais sobre os períodos Paleolítico e Neolítico.

A Arte no Período Paleolítico

Você provavelmente já ouviu, e até mesmo estudou, sobre as pinturas rupestres, as primeiras aparições da arte da pré-história de que se tem conhecimento. Consideradas como manifestações culturais primitivas, tais representações artísticas tinham como telas os interiores das cavernas, local em que até hoje podem ser vistas após milhares de anos.

Em geral, as pinturas feitas no período paleolítico tinham como principal objetivo representar fatos do cotidiano dos homens das cavernas. É justamente por isso que podem ser vistos nessas telas algumas das caças e dos rituais dos primitivos.

Acredita-se, inclusive, que os homens que viviam na terra no período paleolítico acreditavam que representar suas caças através da arte traria a concretização de seus objetivos, ou seja, que era o de levar a carne para dela se servir com a sua família.

Por estar dentro da idade de pedra lascada, esses desenhos não conseguiam ainda ter tantos detalhes, entretanto não se confunda: em nenhum momento a arte da pré-história pode ser confundida com simples rabiscos infantis.

Vale ainda destacar que a tinta utilizada neste processo era o sangue dos animais que já haviam sido caçados.

As primeiras descobertas sobre os desenhos rupestres deste período ocorreram somente no século XX e a maior parte é datada de 35 a 40 mil anos atrás. A arte da pré-história já encontrada ajudou a sociedade moderna a entender como os homens primitivos se organizavam no que diz respeito à caça, rituais e cotidiano.

Os desenhos rupestres mais famosos e já desbravados deste período histórico estão situados nas cavernas de Lascaux, no território francês, e de Altamira, na Espanha.

Outra forma de expressão também encontrada dentro do período Paleolítico são as esculturas feitas em argila. O material base desses amuletos, que não tinham mais do que o tamanho de uma mão, era madeira, pedra ou osso. No geral, essa arte representava figuras femininas como a Vênus de Willendorf que foi encontrada e datata de 12 a 25 mil anos.

Os homens primitivos acreditam que por ser a mulher a geradora de novos membros para a sua sociedade, elas deveriam ser valorizadas.

A Arte no Período Neolítico

Dando sequência à revisão da arte pré-histórica, o período Neolítico, o último antes da invenção da escrita, também trouxe muitas contribuições para a sociedade atual e antiga.

Já na idade da pedra polida e há alguns milhares de anos a frente do que no período anteriormente estudado, tais representações artísticas aconteceram a cerca de 10 mil anos atrás, momento em que se iniciou o Neolítico.

A melhoria nas técnicas de desenho é gritante. No período Neolítico o homem primitivo passa a expressar mais a sua arte a partir de silhuetas mais magras e bem definidas. A aproximação com a realidade também é outro ponto que merece bastante destaque nesta época assim como as técnicas que dão leveza e movimento as imagens grafadas nas cavernas.

Outro determinante deste momento histórico é que as representações artísticas deixam de ser exclusivamente de cunho ritualístico. É comum agora a representação da sociedade primitiva em suas tarefas cotidianas tais como a caça, cultos e momentos em grupo.

Além de tais grafados, a arte no período Neolítico também pode ser vista em outros momentos tais como nas lápides dos túmulos já que é nesta época que o homem começa a demonstrar sentimentos enterrando seus familiares e entes mais próximos.

A cerâmica também avançou muito neste período e as estatuetas que já era feitas antes, passaram a receber traços mais firmes e condizentes com a realidade. A arte da pré-história ainda pode ser vista na decoração de vasos, outro gigantesco avanço uma vez que neste contexto a arte era utilizada apenas para arte mesmo e sem outros fins.

Ainda dentro do período Neolítico vale destacar que surgiram alguns monumentos chamados megalíticos – construções em grandes e rústicas pedras. Uma das mais famosas encontradas pelo homem moderno é a de Stonehenge, situada na Inglaterra. Outros grandes monumentos foram encontrados também na Europa.

Pra encerrar, vale lembrar que o passado é como um espelho. Muito do que foi desenvolvido nos períodos Paleolítico e Neolítico foram posteriormente revistos e utilizados pela sociedade moderna. Alguns dos traços do renascimento, por exemplo, já foram encontrados nos primeiros desenhos rupestres.