Giardíase


Giardíase

A giardíase é uma doença infecciosa, causada por protozoários da família Giardia. A Giardia lamblia pode se instalar no intestino de seres humanos e animais. Sua ação é capaz de provocar diversos distúrbios relacionados ao sistema gástrico.

A contaminação pode ocorrer de diversas formas. As mais comuns são a ingestão de alimentos contaminados e a ingestão de água contaminada. Trata-se, portanto, de uma infecção típica de regiões onde as condições de saneamento são precárias.

A contaminação pode acontecer também por meio de contato físico, principalmente através das mãos contaminadas ou por meio de contato íntimo anal. Em alguns casos, a doença pode ser transmitida pelos animais domésticos.

A prevenção é muito difícil em locais onde há pouca oferta de higiene e saneamento básico. As medidas de higiene que podem ajudar na prevenção são: lavar as mãos regularmente, lavar corretamente os vegetais antes de comer e fazer o tratamento da água que será ingerida, mesmo que por meio da fervura.

Sintomas e tratamento

Os sintomas da giardíase podem se confundir com os de diversas outras doenças que afetam o aparelho digestório. As cólicas abdominais, a diarreia, que pode ser aguda ou leve, mas persistente, o inchaço abdominal, as fezes amareladas, com sinais de gordura em sua composição e os gases intestinais são sinais de contaminação.

O indivíduo contaminado pode sofrer, ainda, com problema de azia, má digestão, queimação e perda de peso. O diagnóstico é feito com base em avaliação clínica e exame de fezes para identificar a presença dos cistos do parasita.

Caso tarde o tratamento o paciente pode ser levado a um quadro grave de anemia e desnutrição. Por essa razão, deve-se procurar assistência médica aos primeiros sintomas. Se, ao contrário, a doença é identificada, o combate é feito com medicamentos e o tratamento leva no máximo cinco dias, exceto em casos persistentes, quando pode levar até três semanas.