Mitose e Meiose: Características, Fases e Importância


mitose-e-meiose-caracteristicas-fases-e-importancia

Todas as células de um organismo passam, desde a sua origem até o último minuto de vida, por processos de divisão celular. Essa divisão pode ser classificada em mitose e meiose.

A mitose é o processo de divisão do qual se originam duas células filhas idênticas à célula-mãe, e acontece desde o momento em que o embrião é formado até a morte do organismo. A mitose começa da célula diploide, conhecida como célula 2n. Trata-se de um processo contínuo, isto é, a todo momento as células estão realizando mitose dentro de um organismo vivo.

É possível definir algumas fases da mitose para compreender melhor sobre o assunto. São elas:
– prófase
– metáfase
– anáfase
– telófase

A mitose tem uma importância fundamental, pois é a partir dela que acontece o desenvolvimento e crescimento de um determinado organismo, além de ser primordial para que as células perdidas possam ser repostas. Um grande exemplo são as células sanguíneas, que fazem a divisão celular do tipo mitose e se renovam no prazo de 90 a 120 dias.

Outra forma de divisão celular é a meiose. Essa divisão acontece, na verdade, em duas divisões: a meiose I e meiose II. Isso porque, diferente da mitose, a meiose não origina duas células filhas diploides, mas o seu resultado é de quatro células filhas haploides.

Na meiose I, as fases da divisão, são: prófase I, leptóteno, zigóteno, paquíteno, diplóteno, diacinese, metáfase I, anáfase I e telófase I. Depois de todas essas fases, ocorre o que chama-se de intercinese.

Em seguida, começa então o processo da meiose II, onde cada célula gerada na meiose I passa por mais um processo de divisão, seguindo a lógica da mitose.

Depois de todo esse processo, cada cromossomo duplicado dá origem a dois cromossomos simples, tendo como resultado as quatro células filhas tipo haploide.