Primeira Lei de Mendel: Características, Monoibridismo, Cruzamentos e Alelos Múltiplos


primeira-lei-de-mendel-caracteristicas-monoibridismo-cruzamentos-e-alelos-multiplos

O pesquisador Gregor Johann Mendel foi um dos principais biólogos do século XIX. Ele ficou como “Pai da Genética” por realizar trabalhos sobre cruzamentos de genes e acabou revolucionando o campo da hereditariedade. Seu pensamento acabou postulando “leis da genética”.

Primeira Lei de Mendel
Também chamada de “Lei da Segregação dos Fatores”, a Primeira Lei de Mendel define que as características de uma espécie são determinadas por genes que se separam na fase de formação dos gametas. Isso implica que na reprodução sexuada o pai e a mãe transmitem um gene, cada, para seu descendente.

A partir dos experimentos de cruzamento que consolidaram o conhecimento científico, foi descoberto que cada ser vivo possui uma identidade genética exclusiva para cada uma de suas características e que somente os genes podem repassar as informações que estão autocontidas nos próprios genes.

A lei também é chamada de Monoibridismo porque se aplica a híbridos com somente uma característica.

Alelos Múltiplos
Genes que estão situados em um mesmo lócus (local) e controlam uma mesma característica são chamados de alelos. E um dos mecanismos que não foram previstos pelos experimentos de Mendel são os alelos múltiplos.

Os alelos múltiplos ocorrem quando mais de uma dupla de alelos determinam certa característica em uma população. Também chamados de polialeia, a ocorrência é bastante comum em espécies animais e vegetais.

Um dos exemplos mais famosos do esquema é a determinação da cor da pelagem de coelhos. Nos animais, é possível observar a manifestação fenotípica a partir dos seguintes genes e suas características: C (cor Aguti ou Selvagem); Cch (Chinchila); Ch (Himalaia) e Ca (Albino). A relação de dominância é respectiva do gene C até o último.

No cruzamento, os resultados determinam os seguintes fenótipos:

– CC, C Cch, C Ch e C Ca = Selvagem ou aguti

– CchCch, CchCh e CchCa = Chinchila

– ChCh e Ch Ca = Himalaia

– CaCa = Albino

No caso, a polialeia fica demonstrada na quantidade de fenótipos e genótipos que podem ser demonstrados. Isso acontece por causa da possibilidade de um material genético sofrer mutações.