Reprodução das Pteridófitas e Gimnospermas: Características, Evolução, Ciclo de Vida e Grupos


Reprodução das Pteridófitas e Gimnospermas

A reprodução de Pteridófitas e das Gimnospermas contam com uma série de características que podem ser observadas em ambas as espécies. Isto porque, quando atingem seu estágio maduro, estes liberam os anterozoides que irão fecundar, posteriormente as oosferas.

Assim, algumas das principais semelhanças neste ciclo de reprodução das Pteridófitas e das Gimnospermas são a meiose espórica ou intermediária. Os órgãos reprodutores destas duas espécies também são bastante semelhantes, com uma formação composta por anterídios e arquegônios.

A reprodução das Pteridófitas pode ainda ser compreendida em duas fases distintas do ciclo reprodutivo, com a primeira assexuada e a segunda de maneira sexuada.

Isto acontece pois, na fase de reprodução assexuada, quando a planta está em sua fase complexa e duradoura, é feita com a queda de esporos em locais que propiciem a germinação com calor e umidade, geralmente sob as folhas destas plantas.

Já em sua fase madura, as Pteridófitas desenvolvem seus órgãos masculinos ou femininos que permitem a reprodução de maneira sexuada, sendo estes órgãos os arquegônios (femininos) e os anterídios (masculinos).

Ciclo da vida das coníferas

O ciclo da vida das Pteridófitas e das Gimnospermas é semelhante ao das demais plantas, nos quais ocorre o crescimento dos embriões destas plantas a partir da germinação que acontece, na maioria das vezes, por meio da polinização, com o pólen gerado pelas plantas de órgãos masculinos e levado até as plantas femininas, onde são então fecundados e dão origem a um novo embrião e uma nova planta.

Assim, é possível que as plantas consigam se reproduzir e deem sequência ao ciclo da vida, com o surgimento de novas plantas quando algumas outras vão se decompondo conforme chegam ao fim de sua vida.

Isto permite que plantas como as Gimnospermas se mantenham presentes no mundo por milhões de anos, pois esta espécie habita o planeta desde os tempos pré-históricos, por exemplo.