Resumo sobre as Flores


Neste resumo sobre flores, você aprenderá tudo a respeito deste importante órgão das plantas. Descobrirá quais são suas estruturas, como são formadas e quais são as principais espécies capazes de produzir flores.

Resumo sobre as Flores

Qual é a função da flor?

Você verá neste resumo sobre as flores que estes delicados e belos presentes da natureza são estruturas complexas e com um objetivo bem definido. A flor, na verdade, é o órgão reprodutor das plantas, mas que está presente somente nas angiospermas.

A principal função da flor é assegurar a existência da espécie em si, com a produção de sementes através da reprodução, neste caso, sexuada. Isto é, são necessários dois gametas – como são chamadas as células reprodutoras – para que a reprodução aconteça.
Existem diversos tipos de flores entre as angiospermas, mas a mais comum, chamada de flor típica, é geralmente formada de quatro tipos de folhas, que foram modificadas com o intuito de proteger os gametas.

Depois que são fertilizadas, as flores dão lugar a frutos, que finalmente são os responsáveis pela produção de sementes. Mas é importante salientar que nem todas as plantas são iguais e, portanto, nem todos os frutos dão sementes.

As angiospermas, plantas que produzem flores, são a maioria absoluta na terra, somando cerca de 250 espécies conhecidas. Isso significa que sua forma de reprodução é bastante efetiva e consegue manter a vida e existência deste tipo de ser vivo na terra há milhares de anos.

De forma geral, podemos dizer que as flores possuem os mesmos elementos. De fora para dentro encontram-se as pétalas e as sépalas, que conforme dissemos anteriormente, nada mais são do que folhas normais da planta modificadas para proteger os órgãos internos.

Internamente às flores, podemos encontrar os estames e os carpelos, estes sim, com uma função reprodutiva. Os óvulos ficam protegidos nos carpelos, que depois formam o tubo polínico que produz o pólen.

Algumas flores podem possuir gametas femininos, enquanto outras possuem masculinos e, por isso, o pólen precisa circular entre elas para que a reprodução venha a acontecer. A forma mais comum de reprodução é através de um terceiro elemento, que pode ser o vento, um inseto, como uma abelha ou uma borboleta, ou até os pássaros.

Este processo, chamado de polinização, é considerado uma das formas mais eficazes de reprodução em todo o mundo vegetal e animal.

A polinização pode acontecer das seguintes maneiras:

  • Pelo vento, chamada de anemofilia
  • Por insetos, ou entomofilia
  • ou por Pássaros, também chamada de ornitofilia.

O vento leva o pólen pelo ar e deposita em outras flores e assim a reprodução acontece. Quando é feito por um inseto ou pássaro, o pólen se prende ao corpo e é repassado de uma flor para a outra até que a reprodução se finalize.

É por este motivo que as flores são tão coloridas e perfumadas, a fim de atrair os polinizadores. O pólen também possui um sabor agradável, com o objetivo de atrair a atenção dos insetos e pássaros.

As flores podem ser formadas sozinhas ou podem se agrupar em um só ramo. Nestes casos, são chamadas de inflorescências. Quando há inflorescências, os frutos formados pela planta também se manterão unidos.

É o caso de frutas muito conhecidas, como, por exemplo, a uva, o milho, a amora e até a jaca. A união das frutas em um só ramo é chamada de infrutescência.

As flores na história da humanidade

Há milhares de anos, os seres humanos se interessam pela beleza e pelo perfume das flores das mais diversas espécies. Este também é um dos motivos pelos quais este tipo de ser vivo conseguiu se reproduzir na natureza com sucesso e se manter presente.

As flores possuem um simbolismo importante em praticamente todas as culturas e são consideradas muito positivas. São trocadas como presentes, cultivadas em jardins para trazer beleza e muito mais. São o símbolo do carinho, do amor e da amizade.

Todos os países produzem flores, mas a Holanda é mundialmente reconhecida por ser o maior país produtor de flores do mundo todo, exportando suas espécies para todos os cantos.

Um dos primeiros exportadores de flores da história do nosso planeta foi o Egito e, por lá, foram encontrados fósseis da planta que datam mais de 25 milhões de anos.

Com tantos anos dedicados ao cultivo de plantas que florescem, a humanidade desenvolveu muito conhecimento a respeito delas. Entre estes conhecimentos, surgiram também algumas curiosidades, como listaremos a seguir:

  • A menor flor do mundo é uma erva daninha – Galinsoga parviflora.
  • A maior flor do mundo é a Titan arum, conhecida pelo seu aroma fétido e seu apelido de flor cadáver.
  • Existem mais de 50 mil espécies de orquídeas no mundo todo.
  • A baunilha, sabor tão comum, é originalmente retirada de uma flor, cujo gênero é chamado de Vanilla.
  • Existem diversas espécies de flores comestíveis, mas a mais conhecida é a alcachofra.