Regras do Levantamento de Peso Masculino – Categorias de 56 kg a + 105 Kg


O Levantamento de Peso Olímpico, também conhecido como Halterofilismo, está presente no programa olímpico desde a primeira edição da era moderna, em Atenas. Especificamente para os homens, a modalidade é dividida por categorias, de acordo com o peso do atleta: Até 56,00 kg, de 56,01 kg a 62,00 kg, de 62,01 kg a 69,00 kg, de 69,01 kg a 77,00 kg, de 77,01 kg a 85,00 kg, de 85,01 kg a 94,00 kg, de 94,01 kg a 105,00 kg e acima de 105,01 kg.

A Federação Internacional de Halterofilismo, que regulamenta o esporte, divide os atletas em três classes distintas, de acordo com a idade: juvenil (até/inclusive) 17 anos; juniores (até/inclusive) 20 anos; adulto ou sênior, acima de 21 anos. Pelo regulamento olímpico, a idade mínima é de 16 anos e em qualquer competição, o atleta pode participar apenas de uma única categoria.

Levantamento de Peso Masculino

Levantamento de Peso Olímpico: Regras Gerais

As provas de Levantamento de Peso são realizadas com dois movimentos obrigatórios, o arranque e o arremesso. O Arranque é a primeira etapa da competição, e nela o objetivo do atleta é suspender a barra que está na plataforma, sem pausas, até a posição acima da cabeça, com ambos os braços, sem que para isso, a apoie no corpo. O atleta pode, no entanto, flexionar as pernas para a execução do arranque. Depois de suspensa, a barra deve permanecer estável (imóvel), assim como o levantador, por dois segundos, e ai, o árbitro dá o comando de baixar.

Já no Arremesso, o movimento é executado em duas etapas distintas. Na primeira, o atleta suspende a barra que está sobre a plataforma até a altura de seus ombros, acima do peitoral. Nesta etapa, o atleta flexiona as pernas para a execução e, concluída, deve estabilizar e alinhar o corpo, a fim de realizar a segunda parte, quando com a somatória das forças das pernas e braços, suspende a barra acima da cabeça. Durante a subida, as pernas executarão o movimento de “tesoura” e na sequência estabilizar a barra e o corpo por dois segundos, e aguardar o sinal de baixar.

Tanto no Arranque, como no Arremesso, o atleta terá três tentativas para suspender o maior peso possível, e pode se utilizar de material apropriado nas mãos e pernas, para aumentar o atrito e evitar escorregões, já que a queda da barra em qualquer momento da execução elimina o concorrente.

Levantamento de Peso Olímpico: equipamentos e arbitragem

A base para o levantamento é um tablado, de 4X4 m, chamado de plataforma. O peso total da barra é a somatória do peso da própria barra, que para os homens é de 20 kg, dos alteres, que tem peso fixo de 2,5 kg e das anilhas, que tem diversos pesos: 1,25; 2,5; 5; 10; 20; 25 e 50 kg, e que tem cores definidas de acordo com a faixa de peso.

Vestuário

O uniforme do levantador de peso deve ser composto de uma peça única, de tecido com elasticidade, e sem nenhuma costura ou acolchoamento, e o desrespeito a essas normas pode eliminar o competidor.

As meias devem ser de tamanho adequado para que não toquem as faixas de proteção dos joelhos ou os suportes de rótula. Os competidores podem fazer uso de cinto de proteção cervical, que deve ser usado sobre o uniforme e composto de couro ou vinil, podendo ter mais de uma camada, costuradas ou coladas.

O cinto não pode ser forrado e nem ter qualquer suporte ou reforço adicional e deve ser preso por um cinto abdominal. Nos pés, os competidores devem usar calçados com solado inteiriço e que não ultrapasse 5 cm, e sem nenhum tipo de travas ou cravos de metal. É permitida a utilização de faixas nos punhos e cotovelos, desde que não toquem o uniforme e não possuam nenhuma substância abrasiva.

Arbitragem

Composta por três juízes, que se posicionam frontalmente à plataforma de levantamento, um na área central e os outros dois em cada uma das laterais. É função dos árbitros validar ou impugnar os levantamentos, com base no alinhamento dos pés e na estabilidade da barra ao final da execução.

As infrações detectadas são indicadas por luzes acionadas por qualquer um dos árbitros. Se os três juízes acionarem as luzes simultaneamente, o equipamento soa um alarme automaticamente, e o competidor terá ciência da impugnação do seu levantamento. Em geral, os levantamentos válidos, em competições oficiais, são sinalizados por uma luz branca, enquanto os invalidados são apontados por uma luz vermelha. Cometida a infração, os juízes levantarão uma placa ou cartão, que indicará qual a infração cometida, quanto ao número. O cartão na cor vermelha indica a primeira infração, a reincidência, ou seja, a segunda infração acarretará num cartão azul, e a terceira, um cartão amarelo, e neste caso, significa a desclassificação do levantador.