Características, Solos e Vegetação da Mata Atlântica, Araucárias e Pradarias


Características, Solos e Vegetação

A Mata Atlântica é a área compreendida como terras altas do Sudeste. Abrange a divisão de diversas bacias hidrográficas, isso propicia o surgimento de cachoeiras, além de uma riqueza em recursos hídricos. O clima é normalmente o tropical úmido, superúmido e de altitude, por conta da vegetação.

Há um aumento de chuvas no verão, provocando cheias nessa estação e um vazante no inverno, com exceção da Mata Nordestina, onde o aumento de chuvas é no outono e no inverno.

A vegetação tem característica latifoliada, perenifólia, higrófita e bastante heterogênea e cobria o pais de norte a sul. Algumas regiões onde há esse tipo de vegetação tiveram suas características afetadas em consequência da extração intensa de pau-brasil e demais cultivos na época colonial.

O domínio das Araucárias, ou Mata das Araucárias, está localizado nos Planaltos e Chapadas da Bacia do Paraná. Apresenta solo rico em arenito e basalto, tal junção é denominada de solo roxo, de rica fertilidade natural. A sua área compreende a região centro-oeste e possui pequenas porções até a região sul.

A sua proporção hoje está em apenas 4% do que já existiu devido ao cultivo de agriculturas nesse solo, resultando na perda de quase toda a sua área. Algumas porções apresentam normalmente 18°C com variações de acordo com a elevação do local. Entre os aspectos hídricos, é próxima às bacias dos rios Paraná e Uruguai.

O domínio das Pradarias é uma parte localizada na Campanha Gaúcha, Coxilhas ou Pampa Gaúcho e compreende o extremo sul do Brasil. O clima é subtropical com baixa umidade, com altitudes moderadas e elevações chamadas de coxilhas. Os solos são ricos e de boa fertilidade.

A sua vegetação é campestre, de formação baixa, em sua maioria por gramíneas com pouca presença de árvores. Devido à práticas de pecuária, compreende apenas 2% de sua formação original.