Resumo da Geografia do Brasil


O Brasil é um país continental por conta de seu tamanho: são mais de oito milhões de quilômetros quadrados que colocam o país no quinto lugar entre os países com maior extensão no mundo. Por ser um país de dimensões continentais, o Brasil possui uma rica diversidade de etnias humanas, espécies animais e vegetais, climas e características geológicas, o que favorece o território em alguns aspectos.

Muitos dizem que o Brasil é um país completo: há uma grande e extensa faixa litorânea, com centenas de ilhas que circundam este litoral; há a maior floresta tropical do mundo – a Amazônia; há uma região árida e seca, chamada de Caatinga; há uma região alagadiça, com grande biodiversidade, chamada de Pantanal; há regiões com clima mais ameno, como acontece no sul do país, há grandes reservas minerais no seu território, enfim, tudo acontece no Brasil no que diz respeito aos aspectos geográficos do país.

Geografia do Brasil

Os biomas brasileiros

Existem sete biomas no Brasil – que são grandes regiões que reúnem características únicas e diferentes entre si. Saiba agora algumas informações sobre estes biomas:

• Amazônia: a Amazônia é a maior floresta tropical do mundo. Possui centenas de milhares de espécies de todos os tipos de animais, vegetais, insetos, bactérias e fungos. É considerada de extrema importância para a manutenção do clima em todo o planeta, mas vem sendo alvo do desmatamento desenfreado. Algumas ações do governo brasileiro conseguiram diminuir o ritmo destes desmatamentos. É importante destacar o trabalho de biólogos e outros profissionais do Ibama ao catalogar espécies e ajudar na preservação deste que talvez seja o principal bioma do mundo;

• Caatinga: este é o bioma mais seco do país. Abrange praticamente toda a região Nordeste e alguns trechos do Sudeste brasileiro. A vegetação é rala e rara. É neste bioma que ocorrem as maiores secas do território nacional em épocas de poucas chuvas. As populações que vivem neste bioma têm um estilo de vida completamente diferente do resto do país, uma vez que precisam se desdobrar para ter água durante o ano inteiro. Mesmo assim, a Caatinga contém várias espécies endêmicas tanto de animais, quanto de vegetais desta região (espécies que só existem neste lugar do mundo);

• Cerrado: o Cerrado é um bioma bem democrático. No Brasil existem vestígios do Cerrado em vários estados do Centro-Oeste, do Sudeste, do Nordeste e do Norte do país. A vegetação pode variar bastante de região para região, mas na maioria delas predomina a vegetação de savana, com algumas partes de florestas mais densas. O clima neste bioma é mais seco, no entanto existem épocas de muita chuva o que garante a sobrevivência das espécies vegetais e animais, assim como das populações que vivem no bioma;

• Mata Atlântica: este é o bioma mais degradado do Brasil. Atualmente existem apenas pouco mais de 7% deste bioma no país. A Mata Atlântica ainda é um importante bioma para o Brasil e hoje está praticamente toda protegida por leis contra desmatamento e a favor da conservação de espécies vegetais e animais. As espécies endêmicas deste bioma estão na lista dos animais com risco de extinção, como a onça-pintada. Há vestígios da Mata Atlântica nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste;

• Pampa: outro bioma com vegetação de savana, o Pampa está presente no Brasil apenas no Rio Grande do Sul. É o seu relevo que o torna diferente dos outros biomas: são planícies e planaltos suaves que fazem com que este bioma seja perfeito para a agropecuária. Seu solo é fértil e a vegetação campestre é propícia para criações de animais e plantações de vários itens;

• Pantanal: talvez o bioma mais curioso do Brasil, o Pantanal é um grande atrativo turístico nacional. Considerado a maior planície contínua de inundação do globo terrestre, o Planalto conta com diversas espécies endêmicas que dão um toque diferente e mais belo a região. As planícies alagáveis constituem uma riqueza única para o país. Apenas os estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul contêm pedaços do Pantanal em seus territórios;

• Manguezal: talvez o bioma menos conhecido dos brasileiros, o Manguezal é uma área próxima ao litoral com várias espécies de animais e vegetais. A principal característica do Manguezal está presente no encontro de águas salgadas (do mar) com águas doces (dos rios). Neste encontro de águas, há vegetação específica e espécies de peixes e outros animais que só vivem nestas regiões. O relevo e a vegetação das áreas ao redor também são típicos deste bioma único brasileiro.

Informações geográficas

O Brasil exerce grande influência na América do Sul, continente onde está localizado. Faz fronteira com quase todos os países do continente, com exceção do Equador e do Chile. É suscetível a secas e inundações em regiões diferentes do país por conta de seu tamanho. No entanto, basicamente tudo gira em torno dos biomas, que precisam ser preservados. Toda a geografia nacional gira em torno da nossa Ecologia.