Resumo Quincas Borba


Neste artigo, você terá acesso ao resumo Quincas Borba, um livro de um dos mais importantes autores brasileiros de todos os tempos, Machado de Assis. Saiba tudo a respeito das informações relevantes que permeiam a história e descubra qual é o principal assunto desta obra.

Resumo Quincas Borba

Informações técnicas

Antes de falarmos diretamente a respeito do resumo Quicas Borba, vamos explicar um pouco a respeito de quem foi Machado de Assis e qual é a importância deste livro para a literatura nacional.

Joaquim Maria Machado de Assis era o nome completo do autor, que viveu entre 1839 e 1908 na cidade do Rio de Janeiro. Mulato e nascido em família pobre, ele foi jornalista, escritor, enxadrista (jogador de xadrez) e é considerado com um dos maiores autores do brasil.

Nas obras de Machado de Assis, é fácil reconhecer seu estilo. Ele é considerado como o precursor do realismo no Brasil, e conta histórias de personagens que poderiam qualquer pessoa. Sua obra é extensa e contêm romances, contos, poemas, sonetos e até peças teatrais, mostrando toda a versatilidade do autor.

Machado de Assis conquistou a fama e boa reputação de autor ainda em vida, e acabou influenciando diversos outros autores que viveram no mesmo tempo e até hoje. Entre suas obras mais conhecidas, estão Dom Casmurro, Memórias Póstumas de Brás Cubas, e Quincas Borba, o assunto deste artigo.

Quincas Borba foi publicado pela primeira vez em 1886 e é considerado a continuação de Memórias Póstumas de Brás Cubas. O livro é escrito em terceira pessoa, isto é, na obra, somos acompanhados por um narrador que não participa da história, mas somente observa e relata os fatos.

Como você verá no resumo Quincas Borba, o tema principal deste livro é a loucura, e tudo que a cerca.

Resumo Quincas Borba

Quincas Borba é um filósofo que vive de forma confortável em uma chácara em Barbacena, no estado de Minas Gerais. Ele já está idoso e conta com a ajuda de um enfermeiro para cuidar de sua saúde. O enfermeiro chama-se Rubião, homem simples, ex-professor e que possui uma inteligência um pouco limitada.

Ele, Quincas, morre. E acaba deixando toda sua fortuna para Rubião, mas com uma única condição. Além da fortuna, Rubião teria que cuidar também de seu cachorro, que também se chamava Quincas Borba.

Aceitando a condição, Rubião pega o cachorro e a fortuna e se muda para a cidade do Rio de Janeiro. Lá, logo faz amizade com o casal Cristiano Palha e Sofia, que logo percebem a ingenuidade do amigo e se interessam por sua fortuna.

O casal promete apresentar Rubião à sociedade e ainda por cima cuidar para que ele não seja enganado por nenhum aproveitador, que tenha interesse somente em sua fortuna. Isso logo acontece, e Rubião passa a fazer parte do círculo de amigos do casal.

Logo descobrimos que Rubião se apaixona profundamente por Sofia, que não lhe corresponde, mas se aproveita para manter o milionário sempre por perto. Inocente que é, Rubião acredita estar sendo correspondido, e em um baile se declara para sua amada.

Sofia chega até comentar o acontecido com Cristiano, que lhe pede que alimente o sentimento de Rubião, já que lhe deve muito dinheiro. Mas Rubião com o tempo percebe que suas tentativas de conquistar Sofia são um pouco frustradas.

Infeliz, decide sair do Rio de Janeiro, mas Cristiano, que se aproveita da fortuna de Rubião, utiliza todas as formas de convencê-lo a ficar, contando inclusive com a ajuda de Camacho, um político que também se aproveita de ingenuidade dele.

Acreditando haver uma forma de se aproximar ainda mais de Sofia, Rubião decide ficar no Rio e acaba se tornando sócio de Cristiano, que passa a administrar não somente a empresa, mas toda a fortuna do milionário.

O casal então passa a ter uma vida cada vez mais confortável, mas Rubião continua frequentando a casa, sonhando com sua amada Sofia. Rubião passa a ficar cada vez mais sentimental e chega a suspeitar que Sofia o traia com o então jovem Carlos Maria, que parecia soltar gracejos para sua amada.

Carlos Maria se casa com a prima de Sofia, e ela jura que para Rubião que jamais tivera nada com o rapaz. Cristiano então anuncia o fim da sociedade, e agora já enriquecido, passa a tocar sozinho os negócios.

Sofia então, também se afasta de Rubião, que enlouquecido de desejo se declara à sua amada mais uma vez, e até diz ser Napoleão III. Neste momento, Sofia percebe toda a demência de Rubião.

Em pouco tempo, a notícia da loucura de Rubião toma toda a cidade e seus comportamentos delirantes vão aumentando a cada dia, enquanto seu patrimônio e todo seu dinheiro vão se acabando diante de seus olhos.

Neste momento, o casal Palha, Cristiano e Sofia, passam a tomar conta do doente, e o transferem para uma casa bem mais humilde, mas os acessos de loucura só aumentam. Rubião é então internado em um hospício, de onde foge juntamente com o cão, Quincas Borba.

Os dois voltam à Barbacena, onde são ignorados por todos e acabam dormindo na rua. No dia seguinte, ainda acreditando ser Napoleão, Rubião morre.