Análise Sintática do Sujeito e Predicado


Análise Sintática

A análise sintática é a área da gramática que estuda a função das palavras dentro de uma oração. A essa função é dado o nome de “função sintática”.

As funções sintáticas formam e dão sentido ao contexto.

Termos da oração

Os termos da oração são divididos em dois grupos:

Essenciais:
– Sujeito
Predicado

Integrantes:
– Objeto direto;
– Objeto indireto;
Predicativo do sujeito;
– Predicativo do objeto;
– Complemento nominal;
– Agente da passiva.

Acessórios:
– Adjunto adnominal;
– Adjunto adverbial;
– Aposto.

Termos essenciais da oração

Os termos essenciais da oração são o sujeito e o predicado.

O sujeito é aquele que pratica ou sofre a ação. O predicado é a descrição da ação e da situação.

Exemplo:

Eu sofri um acidente por imprudência.

Sujeito: Eu
Predicado: sofri um acidente por imprudência

O predicado contém os termos integrantes e acessórios da oração. No período referido:

Objeto direto: um acidente.
Adjunto adverbial: por imprudência.

O sujeito da oração pode ser um substantivo próprio ou comum. Pode ser representado por um pronome pessoal, demonstrativo, relativo, interrogativo ou indefinido, numerais, expressões substantivas e orações subordinadas substantivas subjetivas.

O sujeito pode ser determinado ou indeterminado.

O sujeito determinado poder ser:

– Simples
Ex: Paula foi ao cinema
Sujeito: Paula.

– Composto
Ex: Eu e ela somos iguais
Sujeito: eu e ela

– Determinado implícito
Ex: Fomos ao supermercado
Sujeito implícito: nós.

O sujeito indeterminado é aquele que não está presente na oração, sendo representado por:

– Verbos na 3ª pessoa do plural
Ex: Andam disseminando mentiras

– Verbos na 1ª pessoas do singular, acompanhados por “se”
Ex: Procura-se acompanhantes.

Oração sem sujeito ou sujeito inexistente

A oração sem sujeito é aquela que serve para indicar fenômenos da natureza, tempo decorrido e a existência de algo.

Exemplos:

– Faz frio nessa época do ano
– Amanheceu mais cedo
– Faz cinco minutos que saímos de lá
– Vai fazer dois dias que não a vejo
– Há muitas escolhas a fazer
– Há cinco anos que eles não viajam.