Densidade, Mistura e Difusão de Gases


Densidade

O estudo da densidade, mistura e difusão de gases é de extrema importância para entender fatores que levam a acidentes que envolvem a liberação de gases no ambiente.

Densidade de gases

d = m.V é a expressão matemática que expressa que a densidade de um material é a razão entre sua massa e o volume que ela ocupa. No mundo matemática, a unidade escolhida para representar os gases é o g/L. Ela é menor do que as outras unidades, já que gases possuem pouca massa e muito volume. Sendo assim a razão massa/volume é pequena.

A relação entre definição de densidade e equação de Clapeyron é como calcula-se a densidade de um gás em função das variáveis do estado do mesmo. Já a razão entre densidades absolutas ou massas molares corresponde a densidade relativa entre dois gases.

Mistura gasosa

O fenômeno físico chamado de mistura gasosa se resume na união de um ou mais gases que não se misturam em um mesmo recipiente. Nessa mistura não existe arranjo de átomos, sendo assim não há formação de novas moléculas, por isso, para calcular a quantidade de moléculas no ambiente basta somar as moléculas dos gases separados quando eles não estiverem se misturando.

Existe também a pressão parcial de um gás, que é qual pressão este elemento forneceria caso estivesse sozinho no recipiente onde está acontecendo à mistura. As variáveis do estado da mistura e as variáveis dos gases isolados podem resultar em uma relação matemática.

Difusão de Gases

O movimento das moléculas no espaço que está disponível que pode ser traduzido na capacidade de disseminação dos gases entre si é chamado de difusão. As ocasiões particulares da difusão, onde os gases atravessam pequenos espaços, é chamada de Efusão.

A efusão aparece na Lei de Graham, que aponta a velocidade de efusão de um gás como inversamente proporcional à raiz quadrada da densidade absoluta do mesmo ou da massa molar. Quando assim a velocidade diminui de acordo com que a densidade ou massa molar cresce.