Equilíbrio Químico pH e pOH


Equilíbrio Químico

As soluções possuem diversas características que podem ser evidenciadas de diferentes formas, como, por exemplo, a sua acidez e a sua basicidade, que pode ser verificada pelas concentrações de H+ e de OH-.

No entanto, embora possa parecer simples, este método de verificação costuma causar uma série de divergências e confusões devido ao expoente negativo presente neste tipo de determinação, ocasionando assim uma constante dificuldade para que tanto a basicidade quanto a acidez possam ser determinadas de maneira precisa.

Significado do equilíbrio químico pH e pOH

Os termos pH e pOH são, na verdade, escalas que permitem que a determinação da acidez ou da basicidade de uma substância qualquer seja feita de uma forma muito mais fácil e precisa, podendo se observar as diferenças entre esta e outras substâncias.

Assim, estes termos possuem significados distintos para que possam coexistir dentro deste tipo de escala. O termo pH é referente ao potencial hidrogeniônico de uma substância, enquanto o termo pOH é referente ao potencial hidroxiliônico ou oxidriônico de uma substância.

Nesta escala pode ser observado ainda o equilíbrio presente nas substâncias com relação ao pH e ao pOH, uma vez que, quando aquecidas a 25°C, a soma dos valores de pH e pOH deve ser igual a 14, de forma que exista assim o equilíbrio entre estes fatores dentro de uma mesma substância.

Separação de substâncias quanto ao pH e pOH

De acordo com a determinação da acidez ou da basicidade de uma substância, pode ser feita também a sua classificação, o que pode acontecer em três diferentes grupos, sendo estes os seguintes:

Solução neutra

Na solução neutra há um equilíbrio entre a acidez e a basicidade, com uma igualdade de 7 pontos para cada, fazendo com que haja assim esta neutralidade.

– Solução ácida

Quando a acidez de uma substância é maior do que sua basicidade.

– Solução básica

Quando uma solução apresenta a basicidade maior do que sua acidez.