Nomenclatura de Hidrocarbonetos Ramificados


Hidrocarbonetos Ramificados

Para saber dar o nome corretamente aos hidrocarbonetos ramificados, é preciso, primeiramente, saber identificar o que é um hidrocarboneto. A nomenclatura correta de um hidrocarboneto ramificado só é possível com esse conhecimento.

Os hidrocarbonetos ramificados são aqueles que apresentam mais de dois carbonos primários (no caso das cadeias abertas) e, ainda, no mínimo um carbono primário (no caso das cadeias fechadas).

Sabendo disso, é importante saber também que esses elementos ramificados podem ser encontrados nas seguintes subclasses: alcanos, alcenos, alcinos, alcadienos, ciclanos, ciclenos e aromáticos.

Como dar a nomenclatura correta a um hidrocarboneto ramificado?

O primeiro passo, é identificar a cadeia principal do elemento. Uma dica é localizar onde está o maior número de carbonos, pois esta é provavelmente a cadeia principal. Mas para isso, é preciso também levar em consideração a subclasse do hidrocarboneto em questão, uma vez que cada um deles apresenta suas características. Veja como dar a nomenclatura aos hidrocarbonetos ramificados pertencentes a cada subclasse existente:

Alcano ramificado – a sua cadeia principal é a que contém um maior número de carbono e tem também a maior quantidade de ramificações. A numeração deve sempre começar pela extremidade que estiver mais perto das ramificações.

Alceno ramificado – a sua cadeia principal tem todos os carbonos participando das duas duplas e apresenta o maior número de carbonos possíveis. A numeração começa pelo carbono que estiver mais perto das duas duplas.

Alcino ramificado – a sua cadeia principal tem a maior quantidade de carbono, os quais participam da tripla ligação. A numeração também começa pelo carbono que estiver mais perto das duas duplas.

Alcadieno ramificado – sua cadeia principal também é a que apresenta o maior número de carbono. Todos devem participar das duas duplas de ligações existentes.

Ciclano ramificado – em todos os casos, o ciclano sempre pode ser localizado na cadeia principal.

Cicleno ramificado – assim como os ciclanos, os ciclenos também sempre estarão na cadeia principal.

Aromático ramificado – e, por fim, os aromáticos ramificados também sempre estarão na cadeia principal, sejam eles: benzeno, naftaleno, antraceno ou fenantreno.