Óxidos básicos, Peróxidos, Superóxidos e suas Reações


Óxidos básicos

Através de uma ligação essencialmente iônica entre um elemento de grande eletropositividade e o oxigênio, é que se formam os óxidos básicos metálicos. Estes elementos de alta positividade podem ser os metais alcalinos terrosos, alcalinos ou mesmo metais de transição.

Vejamos alguns exemplos de óxidos metálicos:

– NOX do crômio = +2
– CrO – óxido de crômio II
– CaO – óxido de cálcio
– Na20 – óxido de sódio

Note que no exemplo citado NOX, o elemento relacionado com o oxigênio é baixo, sendo igual a +1 ou +2. Estes compostos são classificados como óxidos básicos visto que sofrem uma reação de síntese quando presentes na água, o que por sua vez, resulta da produção de uma base. Óxidos de caráter predominantemente iônico são considerados básicos, visto que sofrem reações de síntese em contato com a água, produzindo bases.

Por sua vez, os óxidos básicos composto de metais alcalinoterrosos geram uma reação exotérmica, ou seja, liberam uma alta quantidade de energia.

PERIÓXIDOS E SUPERÓXIDOS

Estes compostos binários são elementos nos quais o oxigênio se apresenta como eletronegativo.

– Peróxidos

Nos perióxidos, o oxigênio possui NOX -1 em razão da formação abaixo:

-l -l (— O — O — )2~ ou apenas 02~2

Compõem os perióxidos os seguintes elementos: metais alcalinoterrosos e alcalinos, hidrogênio, prata e zinco. A nomenclatura do elemento é designada conforme o esquema: (peróxido + de + nome do elemento).

Os perióxidos metálicos reagem também com ácido, gerando peróxido de hidrogênio e sal. No caso do peróxido de hidrogênio , este elemento é estável em meio ao ácido, não havendo decomposição.

Veja o exemplo reação de peróxido metálico e ácido:

!Mg02(s) + lH2S04(aq)—————- > !MgS04(aq) + lH202(e)

– Superóxidos

São formados por metais alcalinos e alcalinoterrosos.

Nestes, o oxigênio possui NOX igual a -1/2, conforme o esquema (— O — O — O — O — )2-. Neste, há um NOX médio para cada átomo de oxigênio, sendo obtido através da divisão -2^-4 = -J£. Desta forma, podemos afirmar que os superóxidos são uma junção da estrutura peróxido com a molécula de gás oxigênio.

Nomeia-se estes elementos através do esquema (superóxido + de + nome do elemento).

Veja os exemplos:

Ca04 – superóxido de cálcio
K204 – superóxido de potássio
Mg04 – superóxido de magnésio
Na204 – superóxido de sódio