Educação e Socialização Primária


Socialização Primária

As normas e padrões sociais, culturais e comportamentais são essenciais na vida das pessoas desde a sua infância. Diante disso, a família possui papel importante na educação e socialização das crianças. Isso irá permitir os seus filhos aprenderem como devem proceder já nos primeiros anos na escola. Logo, os valores familiares vão estar implícitos em suas atitudes e no seu desenvolvimento social.

Com isso, normalmente as pessoas tornam-se consequência do grupo em que se encontram e compartilham hábitos na sociedade.
Dessa forma, a escola assume uma responsabilidade ampla na vida das crianças. Isso acontece porque ela se torna, devido à ausência dos pais, o principal meio socioeducativo para aquele indivíduo desde cedo. Assim, ela obtém papel fundamental na educação primária, bem como no processo de socialização de meninos e meninas.

A criança começa a compreender as regras, princípios éticos e morais para o convívio social. Assim também, desenvolve a capacidade intelectual, de leitura e escrita, bem como aprende os conceitos escolares básicos. Com isso, a sua comunicação se torna mais desenvolvida e ampla. Do mesmo modo, sua personalidade é moldada de acordo com princípios, valores e costumes que o cercam todos os dias.

Por outro lado, os professores precisam investir em sua capacitação profissional, por meio de cursos preparatórios e especializações. Com isso, ele irá aperfeiçoar suas atividades com os estudantes. Assim como poderá passar conhecimentos que eles irão levar durante os anos seguintes. Isso envolve tanto a vida profissional, como na maneira de lidar diante de situações cotidianas que surgirem.

Contudo, esses conhecimentos precisam estar alicerçados em princípios familiares e morais, para não criar conflitos de identidade. Logo, a última palavra deve ser a dos pais da criança. Pois eles são os principais responsáveis pela educação e socialização primária que o indivíduo recebe nos primeiros anos de vida. Por fim, a educação escolar será um complemento que vai provocar a adaptação social com outros meios de relacionamento cultural.