Regras do Basquetebol


Os jogos de basquete sempre são movimentados e emocionantes. Se você já gosta de acompanhar esse esporte, verá como é ainda melhor a partir do momento em que conhece a história e as regras do basquetebol. E se você nunca deu atenção para esse tipo de jogo, talvez mude de opinião depois que conhecer um pouco mais!

Basquetebol

Regras do basquetebol

Todo esporte precisa ter regras para organizá-lo e orientar o comportamento de cada equipe, promovendo uma competição justa. E com o basquete não é diferente! Veja agora quais são as regras do basquetebol e entenda como funcionam os seus jogos:

• Uma partida de basquete tem duração de 40 minutos, sendo que esse tempo é dividido em quatro blocos de dez minutos. Nas competições de NBA, essa configuração é um pouco diferente: são quatro tempos de doze minutos, totalizando 48.

• Três árbitros supervisionam cada lance da partida.

• Cada jogador tem o direito de cometer até cinco faltas, sendo eliminado caso ultrapasse essa marca. Essa é outra regra que muda um pouco na NBA, já que lá os jogadores têm a permissão de cometer até seis faltas, uma a mais.

• Os atletas podem usar exclusivamente as mãos para manejar a bola de basquete, no entanto, é proibido segurar a bola e dar mais de dois passos com ela. Se o mesmo jogador quiser fazer um percurso mais longo pela quadra, deverá ir quicando a bola.

• É proibido executar um drible seguido do outro.

• O jogo de basquete começa oficialmente no momento em que um dos três árbitros lança a bola para cima. Quando isso acontece, os jogadores das duas equipes estão no círculo central da quadra, e já começam a disputar pela bola tentando ficar com a vantagem em relação ao outro time.

• Cada time tem o objetivo de fazer com que a bola atravesse o cesto da equipe adversária. As cestas de campo valem dois pontos cada uma, enquanto as cestas provenientes do chamado lance livre valem um ponto. Na quadra de basquete, existe uma demarcação chamada de “linha dos três pontos”. Quando a cesta é feita de trás dessa linha, ela vale três pontos.

• A Regra dos 3 Segundos proíbe o jogador que esteja com a bola de permanecer na área restrita ao time adversário por mais de três segundos

• A Regra dos 5 Segundos determina que quando um jogador está sendo marcado pelos oponentes só pode manter a possa da bola por no máximo cinco segundos.

• A Regra dos 8 Segundos é uma das que mais contribuem com o movimento e a dinâmica de jogo. De acordo com ela, a partir do momento em que uma das equipes recebe a bola em sua zona de defesa, precisa conduzi-la até a sua área de ataque em, no máximo, 8 segundos!

• A Regra dos 24 Segundos, junto com a anterior, faz com que esse esporte tenha agilidade! Ela estabelece que o time que detenha a posse de bola tente lançá-la ao cesto adversário em até 24 segundos.

Perceba que dizer que um jogo é dividido em tempos de dez minutos pode dar a impressão de que a sua dinâmica fica prejudicada dentro da quadra, mas não é o caso, já que as regras determinam que tudo aconteça muito rapidamente.

Agora que você já conhece melhor as regras do basquetebol, é hora de se reportar ao passado para, brevemente, saber como nasceu esse esporte.

Nascimento do basquetebol

Esse esporte surgiu no final do século XIX, mais precisamente no ano de 1891, nos Estados Unidos.

De acordo com a história, tudo começou em um inverno rigoroso em Massachusetts, era tão frio que praticar esportes ao ar livre era algo simplesmente impossível. Foi então que James Naismith, um canadense de 30 anos, foi convidado para pensar em algum jogo que pudesse ser realizado durante o inverno, entre os alunos do colégio da Associação Cristã de Moços, que os entretece sem estimular a violência.

No sentido de atender a todas essas características, James começou a elaborar um jogo que tivesse um alvo fixo, que exigisse o trabalho coletivo (para não ser tão violento quanto o futebol americano) e que tivesse como objeto uma bola maior que a de futebol, que quicasse na quadra. Naismith também descartou a possibilidade de usar os pés, já que isso facilitaria choques entre os alunos.

No ano seguinte, em 20 de janeiro de 1892, acontecia o primeiro jogo de basquete nos moldes muito semelhantes com o que conhecemos hoje.

Esse primeiro jogo não teve público, foi interno entre duas equipes formadas dentro da própria Associação Cristã de Moços de Springfield.

Aos poucos o esporte começa a sair de dentro dos muros daquela Associação e no início do século XX, pouco a pouco, vai ganhando todas as regiões do mundo, se tornando uma modalidade olímpica.

Hoje, faz parte do currículo de escolas e universidades brasileiras.