Fibras Vegetais: Importância e o que são


Certamente assistindo a TV ou mesmo lendo algum tipo de revista e site especializado em alimentação e vida saudável você já deve ter se deparado com a seguinte informação: “Ingerir fibras é muito importante para o organismo”. Mas, você sabe o que são fibras vegetais e para que elas servem?

Este artigo tem exatamente a função de tentar lhe explicar isso, então, vamos lá:

Fibras Vegetais

O que são fibras vegetais?

São consideradas fibras vegetais um grupo de carboidratos complexos que se ingeridos não podem ser digeridos pelas chamadas “enzimas intestinais humanas”, além de não poderem ser absorvidas pela correte sanguínea, portanto, acabam por permanecer no intestino sendo eliminadas posteriormente, junto as fezes.

As fibras vegetais têm uma grande capacidade de hidratação e por isso, auxiliam na digestão. Podemos dizer que as fibras são nutrientes “importantíssimos” e indispensáveis para o bom funcionamento do organismo.

Acredita-se que as fibras se originam a partir das plantas, na realidade, elas são os tecidos estruturais das plantas formadas por polissacarídeos, como por exemplo, a celulose. São estas estruturas, os polissacarídeos, que não conseguem ser digeridos pelo homem.

Importância e alimentos onde podem ser encontradas

Algumas pessoas acreditam que devido ao organismo não conseguir absorver tais carboidratos eles, então, não seriam necessários, contudo isto não é verdade, pelo contrário as fibras vegetais têm grande importância para o organismo humano.

A principal capacidade das fibras vegetais é ajudar na evacuação das fezes, afinal, por meio de sua grande capacidade de absorção e hidratação são capazes de tornar tal processo mais fácil, evitando problemas no trânsito intestinal, ou ainda a temida prisão de ventre.

Mas então, em que alimentos se pode encontrar tais fibras? Como é de se imaginar legumes e vegetais são grandes fontes desses carboidratos, mas também há algumas frutas que podem conter tal substância, como o maracujá, a pêra e o pêssego. Além disso, manter uma alimentação baseada em cereais e arroz integral, nozes, pão integral e algumas farinhas (como de aveia e trigo) são uma ótima pedida.

Mais benefícios

É válido lembrar que as fibras vegetais também são ótimos ingredientes para quem deseja emagrecer, afinal, atuam no bom funcionamento do intestino. Um dos grandes problemas para quem realiza dietas é o intestino preso, para, além disso, é cientificamente comprovado que as fibras aumentam a sensação de saciedade, portanto, não se pode dizer que tais carboidratos atuam diretamente no emagrecimento, mas sim, auxiliam o organismo, dando condições para que este se mantenha no processo de emagrecimento tendo um intestino em pleno funcionamento.

Outras informações importantes a cerca dos benefícios das fibras vegetais se relaciona a prevenção de algumas doenças intestinais, como por exemplo, hemorróides e divertículos do intestino grosso.

Mas é bom ficar atento, afinal, tudo o que é em excesso pode causar problemas e isso não seria diferente com as fibras vegetais, se ingeridas em grandes quantidades podem diminuir a absorção de alguns minerais como magnésio, cálcio e ferro.

Animais e organismos vegetais

As fibras também têm extrema importância no metabolismo de certos organismos vegetais, afinal, dependendo de como alguns são metabolizados ganham funcionalidades energéticas ou ainda estruturais.

Já com relação aos animais, aqueles que possuem em seu trato digestivo a capacidade de digerir a celulose são capazes de processar a quebra desta enzima e, desta forma, obtém energia, um bom exemplo são os animais ruminantes.

É importante salientar que sim as fibras vegetais têm grande importância em nosso organismo, afinal, auxiliam na regulação e manutenção do sistema digestivo. É de suma importância dizer que só será possível a ingestão de tais substâncias se tivermos uma alimentação saudável e balanceada.

Atualmente há estudos que comprovam que além de auxiliar no bom funcionamento do intestino e em seu bom funcionamento peristáltico, a ingestão equilibrada de fibras vegetais pode evitar até mesmo doenças como câncer.

Outra informação é que ao consumir tais fibras também é necessário ingerir muita água, a fim de auxiliar na formação do bolo fecal.

Os médicos aconselham que diariamente devam ser ingeridos entre 20 e 40 gramas de fibras vegetais, outra dica importante é ingerir tais alimentos crus, ou de maneira pouco elaborada, afinal, quanto mais “in natura” estiverem maior concentração de fibras, e portanto, maiores benefícios trarão ao organismo.

Em vista de tudo que foi falado é bom salientar que iniciar uma dieta, ou ainda melhor, uma reeducação alimentar não é nenhum “bicho de sete cabeças” e é algo que pode ser feito em qual idade.

Mas lembre-se, comece devagar e procure o auxílio de um especialista, seja médico ou nutricionista, afinal estamos falando de sua saúde e qualidade de vida. No mais é só mudar alguns hábitos e com certeza você terá uma vida muito melhor, equilibrada e saudável.