Conceitos básicos de Química


Antes mesmo de dar início ao estudo da química de maneira mais aprofundada, é necessário compreende alguns dos principais e mais básicos conceitos da química, que são aqueles estudados na química geral.

O primeiro passo para a compreensão certamente consiste em entender qual é o conceito de química, que é a ciência especializada no estudo da matéria, envolvendo também as suas transformações e demais energias que venham a fazer parte desse processo.

A química é trabalhada dentro de três grandes níveis:

Microscópico – Nesse caso, a química se especializa na interpretação e estudo de fenômenos em que ocorre o reordenamento dos átomos, já que eles são não visíveis a olho nu, porém, são de grande importância para a pesquisa científica no sentido em que eles são constituintes básicos em todo e qualquer tipo de matéria.

Química

Macroscópico – para o estudo de fenômenos visíveis, como objetos grandes e notáveis, a química especializa-se no nível macroscópico.

Simbólico – o terceiro e último nível da química já envolve um pouco de física e até mesmo de matemática, já que envolve a expressão e entendimento de seus fenômenos por meio de fórmulas, símbolos e demais equações matemáticas.

Além disso, tudo varia conforme o próprio segmento que os estudos tomam, fazendo com que a química se divida em diferentes vertentes: química orgânica, química físico-química, química inorgânica e assim por diante.

Os principais conceitos da química

Entre os conceitos básicos da química você já deve ter ouvido falar no volume, matéria, corpo, objeto e outros. Confira neste artigo o que cada uma dessas expressões significam no cotidiano da física:

1. Matéria: a matéria não pode ser um conceito definido assim com tanta facilidade. Porém, é certo de que os autores da química chegaram a uma conclusão em relação à mesma: a matéria se relacionada com tudo e qualquer coisa capaz de ocupar espaço físico, ou seja, algo que apresente massa e volume.

2. Volume: o volume no caso é o que indicará a própria extensão do espaço que é ocupado por esse determinado corpo. Sua unidade padrão para a medição é o metro cúbico (m³). Para medir o material são necessários diferentes tipos de aparelhos, como a proveta, a bureta, pireta e outros.

3. Massa: assim como o volume, a massa é também uma propriedade geral da matéria, que por sua vez, indica qual é a quantia de matéria existente em um determinado corpo. A sua medida padrão é o quilo e para a medição de tal propriedade são utilizadas como base as balanças.

4. Corpo: um corpo é uma porção limitada desse conceito de matéria. Sendo assim, uma árvore pode ser um exemplo de uma matéria, e quando cortamos algumas tiras de madeira dessa árvore, essas tiras podem ser caracterizadas também como matéria ou então como corpos oriundos da mesma.

5. Objeto: por fim, vamos imaginar que essas toras de madeira, retiradas da matéria da árvore, se transformem em um item de decoração ou móvel para utilização do homem. Dessa forma, caracterizamos um objeto, já que toda vez que um corpo é produzido para uso exclusivo do homem ele deve ser chamado de objeto.

Energia, substâncias, sistemas, fenômenos

Outros conceitos básicos da química são aqueles relacionados à energia, sistemas, substâncias e fenômenos. Confira agora um pouco mais sobre cada um deles:

• A energia

A energia conta ainda com várias subdivisões e, por isso, não há como concluir um único conceito básico químico para a mesma. Quando um corpo é responsável pelo armazenamento de energia, essa mesma é potencial. Já quando ela se relaciona com o movimento de corpos, a energia em questão é a mecânica. Energia em formato de luz? A luminosa. E a que envolve a condução da eletricidade? A energia elétrica. E por aí vamos longe…

• Substâncias

Já as substâncias podem ser puras, simples ou compostas.

As substâncias puras consistem em materiais que tem todas as suas propriedades físicas bem determinadas, ou seja, em formatos únicos e próprios (como moléculas ou átomos, por exemplo).

Já as substâncias simples são formadas por apenas um elemento químico, como o ferro, gás hidrogênio ou alumínio. As compostas, por sua vez, se formam a partir de mais elementos químicos, como a própria mistura da água (H²O) com outro componente qualquer.

• Sistemas

Tudo o que é submetido a um determinado tipo de observação pode ser caracterizado como um sistema. O sistema homogêneo é aquele de uma fase só, sendo o mesmo composto por substâncias homogêneas ou puras. Já o sistema heterogêneo pode contar com duas ou mais fases, além de ser composto por substâncias puras em seus mais variados estados físicos.

• Fenômenos

Outro conceito básico da química é em relação aos fenômenos, que são quaisquer transformações sofridas pela própria matéria. Os fenômenos químicos são aqueles em que a própria constituição do material acaba sendo modificada, sendo um exemplo, a queima de um pedaço de papel.