Glossário ambiental

Um glossário ambiental pode ser muito útil para o estudo de diversos fenômenos da natureza. Muitos termos usados nesse contexto, especialmente os geográficos, não são amplamente conhecidos. Confira então o significado de algumas das principais expressões.

glossario-ambiental

Glossário ambiental: A – E

– Área de Proteção Ambiental (APA)
É uma área designada pelo Poder Público e protegida contra a degradação de seu ecossistema. O objetivo é conservar o patrimônio natural e as espécies de plantas e animais ali presentes.

– Arrasto
Um tipo de pesca no qual uma rede é lançada enquanto o barco continua em movimento. Só é legal se a malha for de acordo com os padrões impostos pelo IBAMA, já que redes pequenas são consideradas predatórias. O arrasto também prejudica o fundo do mar, ao causar seu revolvimento.

– Aterro sanitário
Um local construído para comportar o lixo residencial urbano de uma cidade. Ele deve seguir regras específicas para diminuir os riscos ao meio ambiente e à saúde pública, como a impermeabilização do solo e sistemas de drenagem para o chorume do lixo e para os gases.

– Atmosfera
É uma camada de ar que mantém a vida como a conhecemos na Terra, composta principalmente por oxigênio e nitrogênio.

– Bacia hidrográfica
Uma área drenada por um curso de água principal (um rio) e seus afluentes. Há sempre dinamismo e uma hierarquização nas bacias hidrográficas, na qual a água sempre flui dos pontos mais altos para os mais baixos.

– Biocombustíveis
Combustíveis produzidos a partir de extratos vegetais, alternativas para combustíveis fósseis. Os principais exemplos são biodiesel, o biogás e o etanol.

– Biodegradável
Todo material que pode ser decomposto naturalmente, devido a ação de microrganismos do solo, da água ou do ar.

– Biomas
Diferentes estruturas ecológicas, cada qual com suas características de solo, clima, fauna e flora.

– Biosfera
O conjunto de todos os ecossistemas da Terra; ou seja, a atmosfera, a litosfera (crosta terrestre) e a hidrosfera (água).

– Cadeia alimentar
Sequência de organismos que se alimentam uns dos outros, de acordo com sua posição na cadeia. Por exemplo, vegetais servem para alimentar animais herbívoros.

– Camada de ozônio
Camada protetora da Terra, que filtra os raios ultravioletas. Está situada entre 25km a 40km de altura e sofre com “buracos” causados por uma série de gases emitidos por automóveis e aviões. As falhas na camada de ozônio aumentam a incidência de raios ultravioletas, perigosos para todos os organismos vivos.

– Chuva ácida
Chuva tornada ácida pelo fato de a água conter resíduos gasosos, normalmente vindos de indústrias poluidoras, da queima de carvão ou de derivados de petróleo. Pode causar desequilíbrio ambiental, especialmente no que diz respeito à vida aquática.

– Compostagem
Processo no qual restos de matéria orgânica são usados para a criação de um adubo orgânico, que melhora a fertilidade do solo.

– Chorume
Líquido que resulta da degradação de resíduos sólidos em conjunto com a água deles próprios e/ou da chuva.

– Decomposição
Quando um material é transformado de algo complexo para algo mais simples, através de processos biológicos ou químicos.

– Desertificação
Degradação da terra em zonas áridas e redução das boas condições para agricultura. Pode ser causada por fatores climáticos ou por atividade humana.

– Dejetos
Resíduos de qualquer natureza, sejam orgânicos (de seres vivos) ou inorgânicos (plásticos, vidros etc).

– Ecossistema
Um sistema que abrange certo conjunto de seres vivos e outros elementos; há um fluxo constante de energia e reciclagem de matéria.

– Ecoturismo
Um segmento do turismo que utiliza, de maneira sustentável, áreas naturais, promovendo sua proteção e formando uma maior consciência coletiva a respeito da ecologia.

– Efeito estufa
Fenômeno no qual diversos gases “aprisionam” o calor na Terra, não permitindo que ele retorne à estratosfera. A atividade humana vem aumentando o efeito estufa, o que provoca aumento da temperatura, degelo de calotas polares e, consequentemente, aumento do nível do mar e alagamentos.

Glossário ambiental: F – Z

– Fauna
Conjunto de animais que vive em determinada região.

– Flora
Conjunto de plantas e espécies vegetais que se encontram em determinada região.

– Hidrosfera
A parte da biosfera que é composta pela água do planeta.

– Lixão
Depósito inadequado de lixo. Ao contrário do aterro sanitário, os lixões não seguem nenhum tipo de norma técnica, colocando assim em risco o meio ambiente e a saúde pública.

– Lixivação
Processo de lavagem de solos e rochas, feita pela infiltração da água das camadas mais superficiais para as mais profundas. Ela é causada pela chuva ou pela irrigação, e livra o solo de nutrientes.

– Manancial
Todo corpo d’água usado como abastecimento para consumo humano.

– Meio ambiente
O conjunto de condições que cerca os seres vivos, necessárias para sua sobrevivência e por vezes afetadas por eles.

– Ozônio
Gás formado por três átomos de oxigênio, azulado e instável.

– pH
Potencial hidrogeniônico (ou pH) demonstra a concentração de íons de hidrogênio em determinada solução, o que permite medir sua alcalinidade ou acidez.

– Poluição
Todo efeito causado por agentes poluentes que afeta o meio ambiente.

– Radiação
Propagação de energia como partículas subatômicas ou ondas eletromagnéticas.

– Reciclagem
Processo de reutilização de materiais e/ou recursos naturais no sistema de produção, com o objetivo de economizar recursos e energia.

– Salinização
Acúmulo de sais solúveis no solo, que podem torná-lo inapropriado para cultivo.

– Zoneamento agroecológico
Mapas com informações sobre vegetação, clima, recursos hídricos, solos e mais de uma determinada região.

Esses são os principais termos do nosso glossário ambiental. Esperamos que tenha ajudado!