Lei de Coulomb: O que é, Importância e Charles Augustin Coulomb


Na física, as leis são importantes contribuições de cientistas para a humanidade. A mais conhecida delas são as Leis de Newton que falam de dinâmica, inércia e ação e reação. A Lei de Coulomb que está relacionada à parte de eletricidade.

A lei de Coulomb foi criada pelo estudioso francês Charles Augustin de Coulomb, que construiu uma balança chamada de balança de torção, que consegue medir a intensidade de uma força elétrica quando ela esta atuando sobre duas cargas elétricas que estão distante uma da outra. Na Lei de Coulomb, não importa se a força dessas duas forças é de atração e repulsão, já que ela só considera sua intensidade.

Isso acontece porque Coulomb acredita que a força de repulsão ou de atração das cargas esta diretamente ligada à sua proporcionalidade ao produto dos módulos dessas cargas elétricas e, por isso, é proporcional inversamente ao quadrado de sua distância.

Lei de Coulomb

A carga elétrica de um corpo é desprezível em relação à distância que a separa de outro corpo também eletrizado, desde que elas estejam situadas no vácuo. Lembrando sempre que dois corpos se repelem, ou seja, se afastam, enquanto dois corpos de cargas diferentes se atraem, ou seja, tendem a ficar unidas. O que Coulomb propôs, então, foi avaliar a força de atração e repulsão dessas cargas elétricas presentes no corpo. Essa força é chamada de eletrostática.

A fórmula para esse cálculo foi encontrada pelo cientista francês e esta representada em F = K x |Q1| x |Q2| / d². Nessa fórmula, temos, então, que K é a força elétrica existente entre as duas cargas, K é a constante de eletrostática no vácuo, Q é a carga elétrica e, por isso, Q1 e Q2 e d é a distância entre essas duas cargas. Vale lembrar, ainda, que a constante eletrostática é sempre constante e tem o valor de K0= 9 x 109 N.m2/ C2.

A unidade das cargas elétricas é sempre Coulomb ou C, a distância sempre medida em metros ou m, e a força elétrica em Newton ou N.

Coulomb conseguiu constatar com sua premissa duas coisas importantes sobre a intensidade da força elétrica. A primeira é que essa força sempre é diretamente proporcional à multiplicação das cargas dos dois corpos. Já a segunda constatação é a de que essa intensidade sempre será também inversamente proporcional à distância desses dois corpos elevado ao quadrado.

Ele ainda afirma que essas orças obedecem as leis de reação e ação e, por isso, só é possível que consigamos encontrar essa interação aos pares, ou seja, de duas em duas forças. Além disso, se a gente mantiver a distância entre os corpos eletrizados e dobramos a quantidade de carga elétrica presente em cada uma delas a força elétrica sofrerá uma mudança sendo multiplicada por quatro. Ele também constatou que toda a vez em que as cargas elétricas são as mesmas e a distância se dobra a força elétrica será então dividia por quatro.

Com a lei de Coulomb, também sabemos que, todas as vezes em que Q1 x Q2 > 0, a força criada é a de repulsão e toda vez que o Q1 x Q2 < 0 a força é a de atração.

A importância da Lei de Coulomb

A lei foi publicada pelo cientista francês em 1783 e serviu de modo muito importante para desenvolver o estudo da área de Eletricidade. Além disso, o cientista soube que como a carga elétrica é muito grande e, por isso, poderia se usar de submúltiplos de sua unidade como a milicoulomb, microcoulomb, nanocoulomb e também a picocoulomb que são representados por 10 -3 C, 10 -6 C, 10 -9 C e 10 – 12 C, respectivamente.

O francês Charles Augustin Coulomb anunciou essa interação no ano de 1785 depois de realizar várias medições em sua balança que ele mesmo criou para conseguir detectar as forças de interações menores na física. A criação dessa balança de torção fez com que ele conseguisse medir o ângulo de torção que é o que permite que ele determine a intensa dessas forças repulsivas e quando as forças são atrativas ele estuda na balança as oscilações capazes de determinação essa intensidade.

Sobre Charles Augustin Coulomb

O cientista francês nasceu em 173 e morreu no ano de 1806, ele iniciou suas pesquisas no campo do magnetismo e também da eletricidade com o intuito de participar de um concurso da Acadéimie dês Sciences de Paris, ou a Academia de Ciência de Paris com o intuito de fabricar agulhas imantadas. Com seus estudos, o físico ficou famoso e conseguiu medir a força de interação entre duas cargas elétricas.

Charles Agustín Coulomb nasceu na cidade de Angoulême e passou nove anos de sua vida na Índia Ocidental trabalhando como engenheiro militar já iniciando lá suas pesquisas a respeito de mecânica aplicada. Sua descoberta lhe rendeu um ingresso na Academie dês Sciences no ano de 1781.