Produção sustentável


A crescente preocupação com o meio ambiente tem feito com que os países, empresas, escolas e as pessoas, de um modo geral, busquem alternativas sustentáveis para diminuir os impactos negativos ao meio ambiente. A produção sustentável é parte destas ações, que acontecem por meio de um processo feito para que o ciclo de vida de serviços e de bens cause o menor dano possível ao meio ambiente. Seu objetivo é minimizar os impactos que causam riscos à saúde das pessoas e danos ao meio ambiente, o que ajuda a gerar ganhos sociais e também econômicos.

Produção sustentável

Já faz um tempo que as pessoas têm percebido que o planeta necessita de ações de sustentabilidade, pois as décadas de intenso hábito de exploração, produção e descarte de muito lixo devem ficar no passado. O tempo é de pensar em consumo sustentável, considerando os impactos ambientais, econômicos e sociais de cada processo desenvolvido na produção de bens e serviços.

A conscientização é importante, pois o comportamento de sustentabilidade precisa envolver não apenas a produção, mas também o uso do produto e seu descarte. O consumo com qualidade, reduzindo o que é desnecessário também entra no comportamento visando cuidar melhor do meio ambiente.

Quando se fala em uma produção voltada para a sustentabilidade, ela incorpora noções relacionadas aos limites da oferta dos recursos da natureza e a capacidade que o meio ambiente tem para conseguir absorver os impactos causados pelas ações realizadas pelo homem.

Podemos então afirmar que se trata de uma produção voltada para auxiliar no equilíbrio natural, com a promoção de um consumo consciente, com mudanças nos hábitos que as pessoas têm em relação ao consumo, diminuindo o excesso no volume de serviços e produtos consumidos, assim como o descarte correto a destinação de materiais a reciclagem.

Muitas empresas já têm adotado esta prática, construindo processos sustentáveis para diminuir os problemas causados ao meio ambiente, que sejam positivos social e economicamente. São ações que visam reduzir o consumo de energia, de água, de insumos e de matéria-prima. O processo de produção considera ainda todo o ciclo dos produtos e dos serviços, sempre de uma perspectiva social, econômica e ambiental.

Como funciona a produção sustentável

Sempre com o objetivo de causar o menor dano possível ao meio ambiente, a produção sustentável irá, fundamentalmente, ser realizada de forma a emitir menos gases de efeito estufa, assim como gastar menos energia e outros recursos naturais.

Em um projeto que visa uma produção aliada a sustentabilidade haverá um planejamento pensando em todas as etapas do ciclo de vida do produto, com o objetivo de prolongar a vida útil deste item e conseguir reciclar os insumos para novas linhas de produção.

O aumento do consumismo ao longo dos anos é um dos responsáveis pelos problemas enfrentados pelo ambiente, devido a produções em excesso de serviços e bens de consumo, o que gera um grande número de resíduos e emissões que prejudicam o planeta.

O consumo sustentável, bem como a produção com este fim, são conceitos criados para determinar a preocupação com a sustentabilidade através de atitudes e estratégias de sustentabilidade relacionadas ao desenvolvimento econômico. Trata-se, portanto, da chamada sustentabilidade socioambiental, adotada por entidades públicas e privadas, para enfrentar as questões atuais e problemáticas que envolvem o meio ambiente.

Este é um comportamento que considera o fato da limitação dos recursos naturais e a necessidade de preservação, sendo um engajamento com o objetivo de melhorar a qualidade de vida da população. Reuniões entre autoridades de todo o mundo são realizadas de tempos em tempos para avaliar a situação do planeta e tomar medidas para diminuir os impactos ao meio ambiente.

Histórico da sustentabilidade na produção e no consumo

A produção mais limpa é um dos primeiros itens da produção sustentável. Com ela, o processo é realizado usando menos recursos naturais e resultando em menor volume de resíduos, o que torna o produto ecoeficiente. Um dos focos do chamado consumo sustentável, que surgiu em 1990, é levar a sustentabilidade além da linha da produção, chegando também ao consumidor, que deve ter consciência sustentável quanto ao consumo.

Em 1992, o Rio de Janeiro foi palco da Cúpula Mundial sobre Desenvolvimento Sustentável, quando temas como consumo sustentável e produção mais limpa estiveram entre os destaques. Na ocasião, foi discutida a necessidade de se criar estratégias e políticas nacionais para diminuir os impactos que a produção e o consumo causam ao meio ambiente.

No Rio + 10, em Johannesburgo, realizado dez anos após a cúpula do Rio, um programa com ações para apoiar inciativas para produção e consumo sustentáveis foi aprovada na segunda cúpula mundial sobre desenvolvimento sustentável.

Desde então, houve a ampliação dos conceitos da produção limpa, com critérios, variáveis e princípios novos, como a incorporação de questões sociais. A produção sustentável, portanto, é a produção mais limpa, considerando todo o ciclo de vida do produto, para minimizar os custos sociais e ambientais.