Função Seno e Função Cosseno


Função Seno

As funções trigonométricas são funções angulares periódicas, ou seja, quando representadas graficamente, elas se caracterizam pela repetição de um padrão. Essas funções são obtidas com o auxílio do círculo trigonométrico.

Se considerarmos o intervalo do círculo trigonométrico, que é [0, 2π], dentro dele existem arcos que realizam mais de uma volta. Nessa forma de representação, 2π é o equivalente a 360º.

Assim, temos três funções trigonométricas fundamentais:

Função seno;
Função cosseno;
Função tangente.

1 Função seno

A função seno é uma função periódica que apresenta imagem dentro do intervalo [-1, 1], sendo representada por -1 ≤ sen(X) ≤ 1, onde X é um número real. Seu domínio é o conjunto dos números reais, em que o sen(x) é definido para qualquer x real, então o domínio de f(x) = sen(x) é o conjunto R.

Considerando o círculo trigonométrico e uma volta completa dentro dele, a função seno possui sinal positivo nos quadrantes I e II e negativo nos quadrantes III e IV.

Sendo X um dos valores notáveis (0°, 30°, 45°, 60°, 90°, 180°, 270° e 360°), os arcos notáveis da função seno são valores, em radianos, para os seguintes ângulos:

X sen(X)
0 0
π/6 1⁄2
π/4 √2/2
π/3 √3/2
π/2 1
π 0
3π/2 -1
2π 0

2 Função cosseno

A função cosseno também é uma função periódica que apresenta imagem no intervalo [-1, 1]. Neste caso, para um x real -1 ≤ cos(x) ≤ 1. O domínio dessa função é o conjunto dos números reais, sendo que o cos(x) é definido para qualquer x real. Dessa forma, o domínio de f(x) = cos(x) é o conjunto R.

Considerando o círculo trigonométrico e uma volta completa dentro dele, a função cosseno possui sinal positivo nos quadrantes I e IV e negativo nos quadrantes II e III.

Os arcos notáveis da função cosseno são valores, em radianos, para os seguintes ângulos:

X cos(X)
0 1
π/6 √3/2
π/4 √2/2
π/3 1⁄2
π/2 0
π -1
3π/2 0
2π 1