Histologia vegetal: Meristemas Primários e Secundários e Tecidos de Revestimento e Sustentação


Histologia vegetal

Na histologia vegetal são estudados os principais tecidos que compõem uma planta. Cada célula vegetal que tem a mesma função é um tipo de tecido. Dentre os tecidos vegetais mais importantes estão os meristemas primários e secundários e os tecidos de revestimento e sustentação.

Meristemas Primários e Secundários

• Meristemas Primários

São aqueles que se originam nas sementes das plantas e que ficam responsáveis pelo seu crescimento em altura. Estão localizados nas raízes e no caule.

• Meristemas Secundários

Se formam através de células diferenciadoras e fazem com que a planta cresça lateralmente, ou seja, em largura. Se originam de um tecido primário, que surgiu a partir de um meristema primário. São encontrados também nas raízes e no caule das plantas.

Tecidos de Revestimento e Sustentação

A partir dos tecidos meristemáticos surgem os tecidos adultos. O tecido de sustentação e o de revestimento são dois exemplos.

• Tecido de Revestimento

Seu principal objetivo é proteger a planta, revestindo todos os seus órgãos internos. A epiderme e a cortiça são dois exemplos de tecido de revestimento.

A diferença entre a epiderme e a cortiça é que esta última é composta por células mortas e sua única função é a de proteção do vegetal. Já a epiderme é responsável por absorver água e sais minerais, fazer trocas gasosas, excreção e secreção das plantas.

• Tecido de Sustentação

Como diz o próprio nome, a principal função deste tipo de tecido é dar sustentação a planta. Divididos em colênquima e esclerênquima, dão resistência ao vegetal e garantem que seu caule fique firme.

O colênquima possui células vivas, com cloroplastos, e é encontrado em qualquer parte verde da planta, como as folhas e caules verdes. Por outro lado, o esclerênquima é composto por células mortas, mas que possuem bastante lignina, e é encontrado na parede vegetal.

Agora você já conhece alguns dos principais tecidos que são estudados na histologia vegetal.