Vaca (Bos taurus)


Pertencente à família Bovidae, a vaca (Bos taurus) é a fêmea dos animais da espécie Bos taurus, que são os touros (machos para reprodução) e os bois (machos castrados). Os filhotes são chamados de bezerros e, na fase jovem, de novilhos. As vacas podem ter de porte médio a grande, apresentam cauda longa, dois dedos em cada pata, pelagem curta e cornos ocos – esses últimos somente na fase adulta. De forma geral, elas são as responsáveis pela produção de leite, que é uma das principais atividades do agronegócio brasileiro.

vaca-bos-taurus

A vaca (Bos taurus) nasce do cruzamento entre os touros da espécie Bos taurus taurus e os zebuínos da espécie Bos taurus indicus, que vem da Ásia. De acordo com a história, as fêmeas Bos taurus foram domesticadas há 6 mil anos e existem em diversos tipos. As variedades do animal existem em decorrência do processo de seleção artificial, já que ao longo dos anos a raça foi adaptada para as necessidades da indústria pecuária. Além do leite, as vacas também produzem carne e couro e são utilizadas para transporte de cargas.

Quer saber mais sobre a vaca (Bos taurus)? Confira nesse artigo todas as informações que temos para você!

Veja abaixo:

• Vaca (Bos taurus): características e histórico da espécie

As vacas da espécie Bos taurus foram domesticadas há mais de 6 mil anos e, ao longo desse tempo, foram usadas principalmente para a produção de leite, para a reprodução de bovinos e para o transporte de cargas. A produção do couro a partir das vacas dessa espécie só se dá quando a fêmea não está apta para produzir leite ou quando precisam ser abatidas. Atualmente, a principal utilidade da vaca é o fornecimento de leite, couro e, também, para procriar, enquanto a carne, em sua maioria, é fornecida pelo abate dos bois.

Descendente das criações de gado da Europa, a vaca da espécie Bos taurus chegou ao Brasil no século XVI, junto com os primeiros engenhos de cana-de-açúcar. Antigamente, esses animais só serviam de alimentação e para produção de couro quando morriam, mesmo os bois, que atualmente são criados para sustentar a indústria da carne. Na Índia, a vaca Bos taurus da subespécie Brahman (ou zebu americano) é considerada um animal sagrado e a carne dela não é consumida no país.

Com o crescimento do setor do agronegócio, que sustenta a economia nacional nos últimos anos, a reprodução da vaca (Bos taurus) é em larga escala, haja vista que o Brasil é um dos países que mais consomem leite, além de ser o maior exportador de carne bovina do mundo. No entanto, atualmente há uma grande preocupação com as vacas em relação ao meio ambiente, já que esses animais liberam metano durante o processo de digestão, que é um dos gases que mais contribuem para o aquecimento global.

• A importância da vaca para o agronegócio no Brasil

De acordo com a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) há mais de 500 milhões vacas atualmente na América, sendo o Brasil um dos líderes na produção de leite e exportação de carne. Dessa forma, as vacas da espécie Bos taurus são de enorme importância para a economia nacional, haja visto que é através delas que se pode aumentar a criação de gado, além de serem essenciais para a produção de leite, ramo no qual o país também se destaca.

A fim de atingir o objetivo de ser um líder na produção de carne, vários cruzamentos entre as espécies Bos taurus taurus e Bos taurus indicus foram feitos ao longo dos séculos para obter carne e leite de melhor qualidade, assim como ter animais mais saudáveis e livres de doenças. As vacas Bos Taurus, bem como os seres humanos, demoram nove meses para ter o filhote, sendo que em alguns casos podem nascer até dois bezerros frutos do mesmo parto. Cada filhote pesa, em média, 50 kg.

Nas fazendas brasileiras, tornou-se muito comum a utilização da inseminação artificial em vacas para produzir gado de melhor qualidade. Com esse método de seleção artificial, é possível ter animais que conseguem produzir maior quantidade de leite, bem como animais mais resistentes a doenças. A inseminação artificial em vacas é um processo assistido por um médico veterinário, que é o responsável por inserir os sêmens escolhidos no animal, que são selecionados a partir da qualidade do macho reprodutor.

Entre os estados que se destacam na criação de vacas da espécie Bos taurus e, consequentemente, na produção de leite, estão: São Paulo, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Goiás e Piauí. Em 2015, o Brasil produziu 35 bilhões de litros de leite, de acordo com levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Esse artigo foi útil para esclarecer suas dúvidas e contribuir para os seus estudos? Deixe um comentário!