Aspectos Políticos, Populacionais, Físicos e Econômicos de Canadá e México


Aspectos Políticos, Populacionais

A América do Norte é um subcontinente do continente americano, composto por três países: Canadá, Estados Unidos e México.

Os Estados Unidos ocupam a posição de maior economia do mundo. Canadá e México estão ao norte e ao sul, ambos na sombra da grande potência mundial, mas são dois países que possuem vida própria e merecem atenção naquilo que podem entregar do ponto de vista político, econômico e cultural.

Canadá

Apesar de ser o segundo maior país do mundo em território, com 9.98 milhões de km², o Canadá tem uma população bastante reduzida, de 36,6 milhões de habitantes. Para se ter uma ideia, a China, quarto maior território do mundo, possui 1,4 bilhão de habitantes.

A baixa ocupação populacional se deve, principalmente ao clima pouco hospitaleiro. Quase metade do país é está localizada no Ártico, marcado por invernos longos e severos. O país possui também vastos territórios montanhosos e rochosos, além de ser formados por mais de dois milhões de lagos.

A língua principal falada no país é o inglês, mas há forte presença da língua francesa. A população é predominante adulta e habita nas áreas urbanas.

Trata-se de um país com economia desenvolvida e que, apesar do frio, apresenta alto nível de qualidade de vida. Ao contrário do vizinho, Estados Unidos, a educação é pública, inclusive a universitária, cujo custo e 80% subsidiado pelo Estado. Aproximadamente 40% dos trabalhadores possuem diploma superior, superando o vizinho.

É reconhecido como um dos lugares mais seguros para se viver, com baixíssimos índices de violência e altos índices de tolerância étnica e religiosa, sendo, atualmente, um país essencialmente habitado por imigrantes, que vivem, em média, quase 80 anos.

Uma das curiosidades é que o governo, que oferece atendimento de saúde gratuito, paga cerca de 800 dólares a cada cidadão desempregado até que encontre trabalho.

Seguindo os traços inerentes a uma economia desenvolvida, o país tem no setor de serviços 70% do PIB, contra 27% do setor industrial e 3% dos setores primários.

México

O México é grande produtor no cenário mundial de commodities como café, milho, açúcar, laranja, limão e abacate.
No setor mineral, produz prata, zinco, fluorita e mercúrio.

A matriz econômica mexicana é diversificada, com participação importante da pesca e da pecuária, mas o grande destaque é a produção de petróleo. É o quinto maior produtor do mundo, com forte presença, também, na área de gás, sendo a PEMEX, empresa de óleo e gás, a segunda mais poderosa da América Latina, sem contar que o México é,
também, o quinto maior produtor mundial de cerveja.

É um país em desenvolvimento, que ainda apresenta grandes desequilíbrios sociais, apesar de ter uma economia vigorosa e investir na geração de valor agregado, seja a partir da força da indústria automobilística, do setor de construção ou aeroespacial.

O setor de serviço representa cerca de 60% do PIB, contra aproximadamente 25% do setor industrial e 15% do setor primário.

A língua falada no México é o espanhol. O norte do país é predominante árido, enquanto no sul predomina a mata atlântica, sendo que 70% do país é tomado por relevo montanhoso.

Todas essas características estão presentes em 2 milhões de km², sendo o 14º maior país do mundo em território, que, seguindo a tendência da América Latina, vive o dilema da concentração de riqueza na mão de poucos. Cerca de 53 milhões de mexicanos vivem na pobreza.

A corrupção e a violência são traços mais marcantes no país, onde 145 pessoas foram vítimas de assassinatos políticos em 2018, ano de eleição.