Sujeito, Predicado, Análise Sintática e Concordância do Sujeito


Sujeito, Predicado

Sujeito e predicado são os termos elementares de uma oração. Enquanto o sujeito é o elemento sobre o qual damos alguma informação e pode ser constituído de um substantivo, pronome ou palavra substantivada, o predicado é tudo aquilo que projeta uma afirmação sobre o sujeito, sendo que toda sua estrutura gira em torno do verbo.

O sujeito de uma oração pode ser classificado de cinco maneiras:

– Simples: quando há apenas um núcleo;
– Composto: quando há mais de um núcleo;
– Oculto, desinencial ou elíptico: é o caso em que o sujeito não está explícito na oração, mas é identificado pelo tempo verbal;
– Indeterminado: quando não é possível identificar o sujeito;
– Inexistente: o verbo no predicado não se refere a nenhum sujeito, por exemplo, quando há um verbo impessoal na oração.

Já o predicado possui três tipos de variação:

– Nominal: quando o núcleo é um nome (predicativo). Geralmente, é indicado por um verbo de ligação;
– Verbal: o núcleo da oração é o verbo;
– Verbo-nominal: o predicado tem dois núcleos, o verbo significativo e um predicativo do sujeito ou do objeto.

Análise sintática
É a análise de cada um dos termos de uma oração. Eles são classificados de acordo com a posição que ocupam e a função que estabelecem na frase. Além do sujeito e do predicado, podemos citar:

– Objeto direto
– Objeto indireto
– Predicativo do sujeito
– Predicativo do objeto
– Complemento nominal
– Agente da passiva
– Adjunto adnominal
– Adjunto adverbial
– Aposto

Concordância do sujeito
Basicamente, o predicado sempre concorda em número e pessoa com o sujeito. Para que uma oração tenha os dois elementos, ela precisa ter um verbo, já que esse termo cria a relação entre os dois. A análise sintática permite o estudo dos elementos e a combinação correta deles. Exemplo:

João e Maria são inteligentes.

No caso, temos um sujeito composto (João, Maria) e um predicado composto por verbo de ligação (são), que combina em número com o sujeito, e um predicativo do sujeito (inteligentes).