Tipos de Reações Inorgânicas: Síntese, Análise e Deslocamento


Tipos de Reações Inorgânicas

As reações químicas podem ser classificadas de várias formas. Uma destas formas é a classificação conforme a transferência de calor. Em caso de o calor ser liberado durante a reação, esta será exotérmica. Contudo, se for absorvido o calor durante a reação, esta será endotérmica.

Um dos critérios da Química Inorgânica, é agrupar as reações conforme a quantidade de substâncias que reagem nela ou que são produzidas. São estes os grupos:

Reações de síntese ou adição;
Reações de análise ou decomposição;
– Reação de simples troca (ou oxirredução);
– Reação de dupla troca (ou metátese).

REAÇÕES DE SÍNTESE

São aquelas em que um produto é formado por dois ou mais reagentes.

A amônia tem uma formação que nos serve de exemplo. A amônia é representada pelo símbolo NH3. Sua formação ocorre por meio da reação entre o gás nitrogênio (N2) e o gás hidrogênio (H2).

Genericamente fica assim: A + B → C

E a fórmula, assim: 3H2(g) + N2(g) → 2 NH3(g).

Essa é uma síntese total, porque ambos os reagentes são substâncias simples.

REAÇÕES DE ANÁLISE

Esta é uma reação oposta a de síntese. Ela ocorre através de um único reagente, de onde se obtém dois ou mais produtos.

Um exemplo desta reação é quando o carbonato de cálcio, após ser aquecido, se decompõe gerando o dióxido de carbono e o óxido de cálcio.

Genericamente fica assim: A → B + C

E a fórmula, assim: CaCO3(s) → CaO(s) + CO2(g)

REAÇÕES DE DESLOCAMENTO (ou simples troca)

É quando a substância composta reage com uma substância simples, originando uma nova substância simples e composta em virtude do deslocamento de seus elementos durante a reação.

Genericamente fica assim: Genericamente: A + BC→ B + AC ou A + BC→ C + AB

E a fórmula, assim: Cu + 2 AgNO3 → Cu(NO3)2 + 2 Ag

A reação ocorre em razão de haver uma transferência de elétrons entre as substâncias.