Arquivos da categoria: Quí­mica

Química: Estudar a composição orgânica, como a energia é gasta na cinética da reação é trabalho da química. Campo importante para entender a transformação dos elementos.

Gás lacrimogêneo e Vinagre

O gás lacrimogêneo, assim como o spray de pimenta, é uma arma química utilizada por policiais durantes protestos e tumultos, com a finalidade de afastar e dispersar os manifestantes. O efeito do gás é sentido imediatamente, assim que o pó entre em contato com os olhos, as mucosas do nariz e da boca. No entanto o gás lacrimogêneo é ainda mais irritante, pois os seus efeitos não são apenas externos, mas também internos, afetando seriamente as veias respiratórias, chegando a atingir os pulmões.

Iodo Radioativo

O iodo é um tipo de halogênio, elemento muito utilizado no cotidiano e especialmente no sal de cozinha, usado para alimentação. Pertencente ao grupo 17 da tabela periódica dos elementos, a substância é usada não só na alimentação, mas também para tratamentos médicos, como o aperfeiçoamento da tireoide.

O que é IUPAC e suas Atividades

IUPAC é uma sigla em inglês que significa União Internacional de Química Pura e Aplicada. É um regime organizado e atualizado que serve para nomear compostos químicos ou descrever qualquer circunstância química em um estudo ou teoria. O órgão desenvolve e mantém essas nomeações como forma geral para substâncias orgânicas e inorgânicas e somente a instituição pode aprovar alterações, substituições ou quaisquer mudanças na área química.

Número de Octanagem de combustíveis

O octano é definido como um produto químico no petróleo que é utilizado com o objetivo de mensurar a qualidade dos distintos tipos de gasolina.
O octano é normalmente adicionado à gasolina com o intuito de impedir a queima de forma irregular nos motores que apresentam combustão interna.

Gráfico das Curvas de Solubilidade

Toda substância química contém um coeficiente de solubilidade. Esse número representa um limite máximo que a substância se solubiliza ao entrar em contato com determinado solvente. Esse soluto dissolvível é um fator importante para o coeficiente e promove a solução da substância por meio da temperatura. Se a temperatura aumenta, alguns solutos têm um coeficiente de solubilidade aumentado. Caso a temperatura diminua, os solutos apresentam um coeficiente também menor.

Polônio

O Polônio é um elemento químico que está presente na Tabela Periódica sob o símbolo Po (número atômico = 84 e massa atômica = 209 u). Descoberto em 1898, quando Marie e Pierre Curie estudavam a causa da radioatividade da pechblenda, que é um mineral rico em urânio, o elemento químico recebeu o nome em homenagem à Polônia e trata-se de um dos venenos mais potentes do mundo, capaz de matar um homem adulto que ingere ou inala uma dose de apenas 1 micrograma.

Hulha

A Hulha é uma espécie de carvão mineral, intermediário entre o antracito e o linhito, que dispõe de um dos maiores índices de carbono em sua composição, já que só perde para o antracito. Também chamado de “carvão de pedra”, o carvão mineral contém betume e foi uma das matérias primas mais utilizadas durante a Revolução Industrial do século XIX. Vale ressaltar que se denomina de Hulha o carvão mineral que apresenta teor de carbono entre 60% e 80%.

Etileno

Presente em vegetais e em tecidos de plantas, o etileno é um hormônio de fórmula C2H4 e é sintetizado por meio do aminoácido metionina. Sendo um hidrocarboneto alceno do tipo mais simples dos olefinos, esse hormônio foi descoberto no século XIX, quando cientistas procuravam entender a relação de gás das lâmpadas e as plantas.

Acetilcolina

Em 1914, o fisiologista inglês Henry Halle Dale descobriu o nosso primeiro neurotransmissor. A Acetilcolina (ACH) é o hormônio neurotransmissor que é produzido tanto no sistema nervoso central como também no sistema nervoso periférico. É uma molécula formada e produzida no citoplasma das terminações nervosas.

Obtenção de sais

Através da química, podemos fazer reações fantásticas acontecerem. Você faz ideia de como é realizada a obtenção de sais? Esse é um processo que pode parecer complexo, mas na verdade é bem simples nas suas composições. Para que você compreenda mais sobre esse assunto, discutiremos ao longo desse artigo qual é o verdadeiro procedimento para a obtenção de sais.

Classificação de Soluções

Quando falamos em soluções, estamos tratando de um importante ramo dos estudos em química, pois estudá-las implica necessariamente em estudar cálculos químicos e aspectos laboratoriais e teóricos de diferentes substâncias. As soluções têm diversos aspectos de interesse do aluno. Solubilidade e suas técnicas, expressões de modificações, modificações químicas e pH são apenas alguns desdobramentos desse espectro. Neste artigo, iremos nos concentrar no primeiro e mais básico aspecto do tema: a classificação de soluções. Mas para que isso seja possível, é necessário antes de mais nada entender no que as soluções consistem.

Higroscopia

A Higroscopia é o termo utilizado para se referir a materiais que possuem a propriedade de absorver água. Entre eles se encontram sulfato de cobre, silicone, sílica-gel, alginato e madeira. A etimologia da palavra se refere a dois radicais gregos: higro, uma variação de hugrós, que significa úmido ou molhado; e scopia, uma variação de skopéo, que significa “ato de ver”.

Mudanças de fases

Na química, você já deve ter aprendido que os componentes podem ser encontrados na natureza em três estados físicos: líquido, gasoso e sólido. Essas disposições dos elementos também podem ser denominadas como estados de agregação da matéria. No demais, a principal diferença entre os três estados está na organização das partículas moleculares. Isso significa que, quando um elemento passa pelas mudanças de fases, toda a sua estrutura sofre modificação. Se você tem alguma dúvida sobre esse assunto, confira mais nesse resumo que elaboramos especialmente para você.